Um caso de OVNIs

Comentar

O camarada com cara de camarão desceu de sua nave, ali perto do Mercado Municipal e ficou de pé olhando a cidade. O dia ainda não ama...

O camarada com cara de camarão desceu de sua nave, ali perto do Mercado Municipal e ficou de pé olhando a cidade.



O dia ainda não amanhecera de todo e a primeira multidão que se acercou dele foi um punhado de guardas noturnos que estavam acordados e mais alguns que foram sendo acordados pelos companheiros.

A nave estava maravilhosamente iluminada e impressionava muito pelos tons de luzes que emanavam uniformemente de toda sua estrutura. Também o fato de ela estar ali, meio pousada, meio no ar, chamava bastante a atenção.

Depois foram chegando os donos de bancas, verdureiros, soldados do Tiro de Guerra, domésticas que iam para o trabalho e foi havendo barulho, murmúrios, gritos de espanto e isso atraia cada vez mais gente, gente e mais gente.

Em um dado instante o ser do espaço; espacial ou especial?... Fiquei na dúvida!...

Pois é, eu ia dizendo... Ah! Num dado instante o ser especial voltou os olhos para a nave, para o que, girou a cabeça em rotação lateral sobre o pescoço e , a seguir comprimiu dois botões de um fileira que tinha na frente do tórax, e a nave perdeu o brilho todo.

O povão que nem toleimas, ali pasmado olhando pro tal do Ser.

E, assim de repórteres ali rentes, sem saber o que dizer, se podia fotografar, se era contra a lei, se o homem era radioativo, se era nervoso, calmo, se arrebentava; o que era que aconteceria se lhe dirigissem a palavra etc.

Houve um moleque que achou por bem jogar uma pedrinha no homem pra ver se ele se assustava, e jogou. Mas a pedrinha, talvez pela lei do ‘com quem pode não brinca’, foi até perto do tal ser e voltou no próprio moleque que ficou desmoralizado e vivamente gozado pelos outros moleques.

– E o Ser permaneceu impassível.

Um repórter, muito afoito, queimou no golpe e falou assim: Seja o que Deus quiser, não quero saber se onagra claudica, eu vou é falar com esse cara. Aí saiu empurrando gente, carregando a máquina fotográfica acima da cabeça, uma pasta e um gravador a tira colo; e foi furando, furando até se ver perto do espaçonauta. Não era um perto muito pertinho não, que numa roda aí de uns dez metros, ninguém dava conta de chegar por causa de um formigamento insuportável na pele e um calor que subia na gente se tentasse penetrar ali. Mas o repórter não queria saber mesmo; chegou até onde podia e gritou assim para o ser: Ou meu jovem! Desliga essa aura aí e vamos levar um papo, ora essa! Quem não se comunica se trumbica.

Mas o ser não deu nem pelota. Ficou foi na maior cara de pau, olhando para a frente e absorvendo energia solar, no maior sossego do mundo.

Aí, o repórter, para não perder a caminhada, ergueu os dois braços e, plash!... disparou sua máquina fotográfica. Mas, coisa impressionante, cada vez que ele disparava a máquina, emanava sincronicamente do ser, uma espécie de Flash que dava como resultado uma cegueira momentânea e uma chapa queimada.

Gravar não tinha lógica, pois o som que havia era da multidão e, assim, ele acabou, da mesma forma que o moleque, muito desmoralizado e gozado pelos colegas. Pegou um macinho de folhas na bolsa, uma esferográfica no bolso da japona e procurou um canto para ficar escrevendo enquanto aguardava os acontecimentos.

Era de lascar, ficar vendo aquele ser tão magnânimo, parado, absorto e mudo.

A multidão decepcionada e pasma, ali rente.

Já tinha uns sabidos oferecendo churrasquinho, picolé, pipoca etc. Mas a multidão não tinha fome; tinha, isto sim, era uma vontade imensa de falar com o ser, de aprender coisas, de ouvir revelações espetaculares.

Até que em dado momento o Ser fez um sinal, e a cidade inteira respondeu com imenso, total e único silêncio. E os olhos se estatelaram, e os ouvidos se aguçaram, e os corações aceleraram. Então, no auge do respeito, da expectativa, da emoção, o misterioso cidadão do Universo principiou a primeira, a mais real, talvez a única, de fato, comunicação extraterrestre com este planeta.

- Governantes, conselheiros, senhores que de alguma maneira tendes nas mãos os destinos deste planeta. Descei por um momento de vossos tronos, saí por instantes de vossos gabinetes, abandonai as orgias em que estiverdes mergulhados, abrandai o espírito, deixai de lado a ambição pelo poder, a corrupção que vem da ganância desenfreada e do não pensar no próximo.

Homens, mulheres, crianças; gravai em vossas mentes o que o Universo tem para vos dizer: A evolução dos povos dos mundos é intocável para que não se degenere. O conteúdo cultural dos povos deve ser sagrado, pois corrosão da cultura faz o que as bombas não conseguem: Destrói um povo. 

Pelo que, não deveis esperar qualquer tipo de intervenção em vosso mundo.

A maneira de evoluir, os rumos dessa evolução, depende do próprio povo e da participação de todas as camadas. Lutem pela paz, pela igualdade, pela cultura, pela alimentação, por todos os direitos que desejais ter, mas que ao mesmo tempo admitis nos outros. Mas, isso tem a importância da própria vida e é mais importante que todas as outras aspirações. Lutem pelo ar, pelas águas, pela preservação do solo, da atmosfera como um todo, pela vegetação, pela fauna, pelo equilíbrio ecológico; pois se um dia tudo isso acabar, em nenhum lugar do universo encontrareis refúgio; pois em planeta sem vida não havereis de sobreviver e em planetas que contenham todas essas dádivas que aqui se encontram, não sereis recebidos depois de terdes cometido o hediondo crime de uma destruição tão monstruosa.

O povo continuou mudo.

O repórter, não tendo conseguido ligar o gravador, escrevia febrilmente.

O ser deslizou até a nave; esta brilhou maravilhosamente, flutuou sobre a multidão, e, por fim, foi se afastando velozmente até sumir na amplidão do espaço.

Não se sabe se ele veio aqui só para dizer isso; se desceu por outro motivo qualquer e o que disse foi de improviso; ou se o que disse tem uma significação maior do que supomos. O fato é que disse, virou-se e partiu sem querer votos nem aplausos.

Rilmar – julho de 1979

COMMENTS

BLOGGER

$show=mobile

Nome

#existepesquisanobrasil,1,A divulgar,2,Abelha,3,Acessibilidade,20,acessório,2,Acidente,48,Acidentes,2,Acústica,16,Adágios,1,Adestramento,5,Administração,26,adulto,1,Aerodinâmica,4,Aeronáutica,8,África,6,Agência Brasil,19,Agência Fiocruz,1,Agência Porvir,1,Agência Senado,1,Agência USP,4,Agricultura,4,Agropecuária,2,AIDS,1,AirBNB,1,Alcoolismo,7,Alemanha,3,Alerta,1,Algoritmo,8,Alimento,1,Alzheimer,4,Amazon,2,Amazônia,4,América Latina,1,Análise Combinatória,1,Anatomia,6,Android,3,Animação,47,Animais de Estimação,6,Animal,2,Antropologia,14,Apicultura,8,App,9,Apple,5,Apresentação,4,aquário,1,Argentina,4,Arqueologia,5,arquitetura,29,Arte,149,Astrobiologia,2,Astrofísica,3,Astronomia,24,Ativismo,26,Áudio,3,Audio FX,2,Áustria,1,Autismo,2,Auto-ajuda,10,Automobilismo,14,Automóvel,19,aventura,3,Aviação,5,Aviônica,8,Bahia,2,Balonismo,3,Banco Central,1,Banco de Dados,5,Beber e Dirigir,1,biblioteconomia,3,Bicicleta,1,Biografia,16,Biologia,157,Biologia Marinha,15,bioquímica,6,Biotecnologia,25,Bitcoin,2,Blog,29,Blogger,32,Boato,5,Bomba,1,borderô de desconto,1,Botânica,5,BRASA,1,BRASA Leads,1,Brasil,34,Brasília,14,BRIC,1,Browser,10,Bugs,3,CAD,3,Calor,2,Câmera lenta,1,Campanha,44,cardiologia,14,Carnaval,2,carreira,2,Cartografia,3,Casemods,1,Caso Isabella Nardoni,1,Caso Snowden,1,Ceará,1,Celebridades,6,celular,24,Células-Tronco,3,Cérebro,2,Charge,22,China,16,Cibercultura,2,Ciclovia,1,Cidadania,39,Ciência,183,Cinema,63,Clip,1,Cliparts,1,Cloud computing,4,Coaching,12,Comédia,2,competência,1,Complemento de dois,1,Comportamento,250,Computação,81,Computação em grade,5,Computação forense,3,Computação Gráfica,135,Computação Móvel,1,Comunicação e Marketing,131,Concurso,1,Concurso Cultural de Natal,1,Concursos Público,2,Concursos Públicos,3,Conectômica,1,Conferência,1,Congresso em Foco,1,Conspiração,2,Consumidor,7,Consumismo,3,contabilidade,2,Contos,46,Copa do Mundo,27,Cordel,3,Coreia do Norte,1,Coreia do Sul,1,Corpo,2,Coruja,1,cosmética,3,Cosmologia,21,Crash Course,1,Criança,1,Criatividade,3,Crime,46,Crime Digital,7,crise,11,crise econômica,8,crônica,5,crônicas,5,Cronologia,1,CSS,3,Cuba,4,Culinária,8,Cultura,9,Curiosidades,112,custos fixo,1,custos variáveis,1,Dança,6,DAO,1,Darwin,9,Davos,1,Debate,1,Decoração,1,demência,1,Demografia,3,Denúncia,10,Dermatologia,7,Desastre Natural,13,Descoberta,2,desconto duplicatas,1,Desenho instrucional,11,Desenvolvimento de jogos,8,Design,25,Design Instrucional,6,Destaque,25,Dia das Mães,1,Dia do professor,1,diabetes,6,Dicas,66,Didática,1,Dieta,3,diplomacia,3,Direito,174,Direito Eleitoral,1,Direito Internacional,28,Direito Trabalhista,1,Direito Tributário,2,Direitos Autorais,1,Direitos Humanos,37,Disney,5,Distrito Federal,2,Documentário,60,Doutorado,1,download,3,Drogas,7,Drone,3,Dubai,1,e-Book,2,e-governo,2,EBC,1,Ecologia,81,Economia,107,Editoração Eletrônica,1,Educação,332,Educação a Distância,143,Educação Corporativa,4,educação física,19,Educação sexual,6,Efeitos Sonoros,4,Egiptologia,1,Eleições,23,Eleições 2014,12,Eleições 2018,5,Eletricidade,9,eletrônica,3,Em Operários,1,Embrapa,1,empreendedorismo,6,enciclopédia,1,endocrinologia,5,Enem,3,Energia,14,Energia Alternativa,16,Energia Nuclear,11,Engenharia,62,Engenharia Agrícola,1,Engenharia Civil,4,Engenharia de materiais,13,Engenharia de Software,4,Engenharia Genética,30,Engenharia Mecânica,1,Enretenimento,1,Ensino a Distância,9,Ensino Superior,3,Entomologia,7,Entretenimento,41,Entrevista,85,Entrevista.,1,Epidemiologia,21,Epistemologia,1,Equador,1,Escândalo,5,Escritório,1,Espaço,65,Espanha,1,Espanhol,2,Espeleologia,1,Espetáculo,8,Espionagem,20,Esporte,39,Estação,1,Estágio,2,Estatísticas,32,estrutura de dados,1,Ética,23,EUA,14,Europa,2,Evento,37,Evolução,4,Exercícios físicos,2,Exobiologia,2,experiência,42,fábulas,3,Facebook,17,Farmacologia,8,Favo,1,Feminismo,1,Férias,1,Ferramentas,6,FIFA,2,Filantropia,4,Filmes,16,Filosofia,47,Finlândia,1,Fintech,1,Firefox,1,Física,103,Física Quântica,3,Fisiologia,7,Fisioterapia,6,Flagrante,2,Flamengo,1,Folclore,3,Fome,1,Fonética,1,Fonoaudiologia,6,Fotografia,40,Fotos em 360 graus,6,França,6,Francês,2,frases,2,Fraude,4,Freeware,67,Futebol,38,Futurologia,80,gadget,88,Gafe,2,Gamificação,5,Gastroenterologia,5,Gastronomia,2,Geek,1,Genética,38,Geofísica,1,Geografia,52,Geologia,10,Geometria,6,geopolítica,20,Gerenciamento do Tempo,1,Geriatria,10,Gestão de Competências,2,Gestão de Configuração,2,Gestão de Pessoas,3,Gestão de Projetos,17,Gestão do conhecimento,6,Ginecologia,3,Glass,1,Google,78,Governo,4,GPS,1,Gradiente,1,gramática,13,Gravidez,1,Grécia,1,Grécia Antiga,1,Guerra,35,Guerra Civil,2,Guinness,1,H2,2,Haiti,3,hardware,35,História,188,HIV,1,Hololens,2,homenagem,45,Horologia,1,HPV,1,HTML,6,Humor,209,Humor Negro,8,IBGE,2,IBM,4,ICIJ,2,Idioma,43,IHC,8,ilo,29,ilusão,34,ilusionismo,5,Imagem 3D,16,Imagens,6,Imagine Cup,1,Império Romano,5,Imprensa,33,Impressora 3D,16,Imunologia,2,Incêndio,2,Inclusão digital,8,Índia,3,Índios,1,Infectologia,16,Infográfico,47,Informática,38,Inglaterra,3,Inglês,22,Inovação,180,Inspiração,1,Inteligência Artificial,98,intercâmbio,1,Interface,188,Interfaces Hápticas,20,Internacional,22,Internacionalização da Amazônia,3,Internet,160,Internet das Coisas,2,Inundação,2,Invenção,20,Inventos,6,iPad,1,IPEA,1,iphone,3,Irã,3,Iraque,1,Israel,6,Japão,2,Java,2,Java.,2,jogos,9,Jogos educativos,13,Jogos Olímpicos,10,Jornalismo,69,Justiça,4,Kinect,10,Le Monde Diplomatique Brasil,9,Le Monde Diplomatique Brasil,1,Letras,1,Lexicografia,5,Liderança,3,Life Hacking,20,Linguística,9,Literatura,54,Livro,57,Lógica,25,Logística,4,Loterias,4,Lua,1,Maçonaria,4,Malásia,2,Malvinas,2,Malware,1,Mapa,68,Mário Sérgio Conti,1,Marte,2,Mastologia,1,Matemática,76,Matemática Financeira,1,maternidade,1,Mecânica,8,Mecânica dos Fluidos,2,Mecatrônica,46,Medicina,470,Medicina Esportiva,1,Medicina Veterinária,4,Meio Ambiente,104,Mel,1,melanoma,1,Memória,5,memorização,4,Mente,4,Mercado de Trabalho,70,mercosul,1,Mestrado,1,meteorologia,11,Metodologia Científica,44,México,1,Microbiologia,4,Microsoft,14,Mídia Social,54,Militar,14,Mineralogia,1,Mistério,2,MIT,12,Mitologia,2,Mobilidade,1,Mobilidade Urbana,9,MonaVie,1,Montanhismo,1,Moodle,7,Mossad,1,Motivação,1,Movimento Maker,1,MSF,1,Mudança Climática,20,Mulher,4,Multimídia,14,museu,10,Música,82,MVC,1,Nanotecnologia,33,Nasa,15,Natação,2,Natal,17,Natureza,1,Negócios,25,Netflix,1,Neurociência,83,Neurologia,77,Nicolelis,1,Nordeste,2,Noruega,1,notícias,8,Novidades,18,Novo Enem,2,Números,1,Nutrição,63,Obama,1,Obesidade,10,Observatório da Imprensa,26,Obstetrícia,3,Oceanografia,7,odontologia,7,Offshore Leaks,2,oftalmologia,11,Olimpíadas,7,oncologia,45,ONU,8,Opinião,92,Óptica,17,Oracle,1,Oriente Médio,5,Orkut,2,Ornitologia,1,ortografia,3,Ortopedia,3,Ótica,8,Otorrinolaringologia,1,Oxfam,2,Pacifismo,1,Paginadores,1,paleontologia,3,Paquistão,1,Pará,2,Paraguai,2,parkinson,2,Passeio virtual,1,Patinação,1,Pedagogia,1,Pediatria,6,Pensamentos,2,performance,2,Periférico,1,Pesca,2,Pesquisa,198,Petição,1,Petrobrás,9,Petróleo,12,Photoshop,5,Pirataria,7,planilha de custo,1,Playstation 3,2,Plebiscito,3,Pneumologia,1,Podcast,4,Poesia,28,Poítica,1,Politica,5,Política,288,Portugal,6,português,18,Pós-graduação,1,prazo médio,1,Pré-sal,5,Prêmio Nobel,6,primatologia,1,Primeira Guerra Mundial,1,privacidade,18,produtividade,3,professor Hamilton Alves,2,Programa Gratuito,4,Programação,51,Projeção Mapeada,1,Projeto Truco,2,Promoção,1,Propaganda,5,Psicanálise,1,Psicologia,265,Psicologia Animal,23,Psiquiatria,13,Pública,12,publicidade,19,Publieditorial,4,Quadrinhos,10,Quads,5,Qualidade,3,Qualidade de Vida,11,química,32,REA,2,realidade aumentada,44,realidade diminuída,2,Realidade Misturada,2,Realidade Virtual,37,Reconhecimento de imagem,12,Reconhecimento de voz,3,Recorde,1,Recoverit,1,Recuperar vídeos,1,Redação,1,redes,10,Referência,2,Referendo,1,Reforma Política,3,Reino Unido,1,Relacionamento,2,Relações Internacionais,40,Religião,39,Responsabilidade Social,4,Retrospectiva,1,Review,4,Rio 2016,6,Rio de Janeiro,1,Rio Grande do Norte,1,Rio Grande do Sul,1,robótica,97,Roda Viva,45,Roma,4,roteiro,1,RSA,1,Rússia,1,Samsung,1,Sanitarismo,5,Santa Catarina,1,São Paulo,4,Saúde,485,Savant,1,Segunda Guerra Mundial,21,Segurança,116,Segurança da Informação,60,Seleção Natural,2,Séries,2,serviço,1,Serviço Online,1,Sexologia,2,sexualidade,5,Show,7,SIGGRAPH,1,Simulação,28,Singularity University,1,Síria,3,Sismologia,2,Sistema operacional,4,Sistemas de Numeração,1,Sites de Busca,14,Sociedade,4,Sociologia,52,Software,32,Software Livre,25,Sol,2,Sono,4,Sony,2,SOPA,2,Star Wars,1,Suécia,3,Sugestão de presentes,61,Sun,1,supercomputadores,2,Sustentabilidade,5,Tabagismo,6,Taiwan,1,Talento precoce,1,taxa de juros efetiva,1,taxa de juros nominal,1,Taxas Equivalentes,1,Taxidermia,1,Teatro,26,Técnicas de Estudo,2,Tecnologia,539,Tecnologia da Informação,28,TED,389,TED-Ed,40,TedMed,2,TEDx,1,TEDx Rio+20,1,TEDxAmazônia,1,TEDxAsaSul,1,Telefonia,59,Televisão,43,Temas,1,Tempo,1,Tendências,10,Teologia,5,teoria das supercordas,1,Terremoto,7,Terrorismo,15,Tesla,1,Testes,17,Tipologia,8,Tomada de Decisão,1,tradução,5,Trânsito,11,transporte,55,tributo,3,Trigonometria,1,Tubarão,2,Tunísia,1,Turismo,21,Tutorial,20,Twitter,8,Uber,4,UFC,1,UFG,1,ufologia,5,UFRJ,1,Unicamp,1,UNIFESP,1,universidade,5,Universidade Corporativa,1,Universidade de Cambridge,2,Universidade de Michigan,1,Urbanismo,23,Urologia,1,User Experience,1,USP,6,Utilidade Pública,3,Utilitário,3,Vale,1,Vaticano,1,Veículo Autônomo,7,Ventriloquismo,3,Verão,1,vestibular,3,Vestimenta,1,Vida Digital,7,Vida Moderna,18,Vida Selvagem,10,Videogame,114,Vídeos,929,Vídeos 360,1,Violência,4,Vírus,2,Visão Computacional,9,Vôlei,1,Vulcanologia,6,Watergate Política,1,WCIT 2016,2,WCIT 2017,1,Web 2.0,29,Web Application,134,Web Semântica,2,Web Seminar,1,webdesign,11,Webinar,2,widget,2,WikiLeaks,37,Wikipedia,4,Windows,5,Xadrez,1,YouTube,6,Zika,1,Zoologia,56,
ltr
item
Brasil Acadêmico: Um caso de OVNIs
Um caso de OVNIs
https://3.bp.blogspot.com/-4lipDhtXcU8/XDceDNLYaVI/AAAAAAAA6mA/9d9BTw1fTYwSCqaxFjoJyUOmqpW52HRpwCLcBGAs/s320/camarao.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-4lipDhtXcU8/XDceDNLYaVI/AAAAAAAA6mA/9d9BTw1fTYwSCqaxFjoJyUOmqpW52HRpwCLcBGAs/s72-c/camarao.jpg
Brasil Acadêmico
https://blog.brasilacademico.com/2019/01/fonte-visto-no-brasil-academico-um-caso.html
https://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/2019/01/fonte-visto-no-brasil-academico-um-caso.html
true
3049085869098582068
UTF-8
Todos os posts carregados Nenhumpost encontrado VER TODOS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Home Páginas POSTS Ver Todos Recomendado para você CATEGORIA ARQUIVO BUSCA TODOS POSTS Não encontrado nehum post de acordo com o seu critério Voltar para Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agorinha 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais que 5 semanas atrás Seguidores Seguir THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy