Vamos ensinar as crianças a programar

Comentar

Escrever códigos não é só para os magos dos computadores, diz Mitch Resnick do laboratório de Mídia do MIT – é para todos. Numa palestra div...

Escrever códigos não é só para os magos dos computadores, diz Mitch Resnick do laboratório de Mídia do MIT – é para todos. Numa palestra divertida e cheia de demonstrações, Resnick apresenta os benefícios de ensinar as crianças a escrever códigos, para que eles possam fazer mais do que simplesmente “ler”as novas tecnologias, mas também criá-las.

Era uma tarde de sábado em maio e eu percebi, de repente que o dia seguinte era Dia das Mães, e eu não tinha comprado nada para a minha mãe. Então eu comecei a pensar... ...o que eu deveria dar para a minha mãe no Dia das Mães? Eu pensei: porque não faço pra ela um cartão interativo de Dia das Mães usando o software Scratch que estive desenvolvendo com o meu grupo de pesquisa no Laboratório de Mídia do MIT?


Nós o desenvolvemos para que as pessoas pudessem criar facilmente suas próprias estórias, jogos e animações interativas e depois compartilhar uns com os outros. Então eu pensei que essa seria uma oportunidade de usar o Scratch para fazer um cartão interativo para a minha mãe.
Antes de fazer o meu próprio cartão de Dia das Mães, eu pensei em dar uma olhada pelo site Scratch. 
Então, durante anos, crianças de todo o mundo com 8 anos ou mais, compartilharam seus projetos e eu pensei, imaginei se, entre esses três milhões de projetos alguém mais tinha pensado em fazer um cartão de Dia das Mães. Então eu digitei na caixa de busca “Dia das Mães” e fiquei surpreso e feliz em ver uma lista com dúzias e dúzias de cartões de Dia das Mães que apareceram no website Scratch muitos deles nas últimas 24 horas por gente procrastinadora assim como eu. Então eu comecei a dar uma olhada neles. (Música) 

Eu vi um que tinha um gatinho e sua mãe, e desejando à mãe um feliz Dia das Mães. E o criador foi muito atencioso e ofereceu um “replay” (repetição) para sua mãe. Outro era um projeto interativo onde, ao mover o mouse pelas letras em “Happy Mom Day” (Feliz Dia da Mamãe) aparece uma mensagem especial de feliz Dia das Mães. (Música) Neste outro, a criadora fez uma narrativa sobre como ela usou o Google pra descobrir que dia era o Dia das Mães. (Digitação) E quando ela descobriu que dia seria o Dia das Mães, ela fez uma mensagem especial de Dia das Mães sobre o quanto ela amava sua mamãe. 

Então eu realmente gostei de assistir a esses projetos e interagir com esses projetos. De fato, gostei tanto que, ao invés de fazer meu próprio projeto mandei links de uma dúzia deles para a minha mãe. (Risadas) E, realmente, ela reagiu exatamente como eu esperava que ela reagisse. Ela me escreveu de volta e disse:
“Estou tão orgulhosa de ter um filho que criou o software que permitiu a essas crianças fazer cartões de Dia das Mães para suas mães.” 
Então a minha mãe estava feliz, o que me deixou feliz, mas, na verdade, eu estava ainda mais feliz por outra razão. Estava feliz porque essas crianças estavam usando Scratch da maneira que eu esperava que eles usassem. Ao criar seus cartões interativos para o Dia das Mães, você poderia notar que eles estavam realmente se tornando fluentes em novas tecnologias. O que eu quero dizer com fluentes? Quero dizer que eles foram capazes de começar a se expressar e a começaram a expressar suas ideias. Quando você se torna fluente em uma língua, isso significa que você pode escrever em seu diário ou contar uma piada, ou escrever uma carta a um amigo. E é parecido, com novas tecnologias.
Ao escrever, ao criar esses cartões interativos de Dia das Mães, essas crianças estavam mostrando que eles era realmente fluentes em novas tecnologias.
Talvez você não fique muito surpreso com isso, porque muitas vezes as pessoas sentem que os jovens de hoje podem fazer todo tipo de coisas com tecnologia. Quero dizer, todos nós já ouvimos jovens serem chamados de “nativos digitais”. Mas eu sou um pouco cético com esse termo. Não tenho certeza que deveríamos pensar nos jovens como nativos digitais. Quando você repara melhor, como é que os jovens usam a maior parte do tempo usando novas tecnologias? Você geralmente os vê em situações como essa, ou essa, e não há dúvida que os jovens estão familiarizados e confortáveis navegando e conversando e mandando mensagens e jogando. Mas isso não te faz realmente fluente.

Então os jovens hoje têm muita experiência e muita familiaridade em interagir com novas tecnologias, mas muito menos em criar usando novas tecnologias e em se expressar com novas tecnologias. É quase como se eles pudessem ler mas não pudessem escrever com novas tecnologias.

E eu estou muito interessado em ver como podemos ajudar os jovens a se tornarem fluentes para que eles possam escrever com novas tecnologias. E isso realmente significa que eles precisam ser capazes de escrever seus próprios programas de computador, ou códigos.

Então, gradualmente, as pessoas estão começando a reconhecer a importância de aprender a escrever códigos. Você sabe, nos anos recentes, apareceram centenas de novas organizações e websites que estão ajudando jovens a aprender a escrever códigos. Você procura online, e vai ver lugares como “Codeacademy” e eventos como o “CoderDojo” e sites como “Girls Who Code” (Garotas que escrevem códigos) ou “Black Girls Code” (Garotas Negras escrevem códigos). Parece que todo o mundo está se juntando na ação. Sabe, bem no começo desse ano [2012], na virada do ano novo, o prefeito da cidade de Nova Iorque, Michael Bloomberg, fez a resolução de ano novo de que aprenderia a escrever código em 2012. Alguns meses depois, a Estônia decidiu que todos os seus alunos de primeiro ano deveria aprender a escrever código. E isso iniciou um debate no Reino Unido sobre a questão se todas as crianças deveriam aprender a escrever código.

Bom, para alguns de vocês, quando ouvem isso pode parecer meio estranho que todo o mundo está aprendendo a escrever códigos. Muitas vezes, quando as pessoas pensam em escrever código, elas pensam nisso como algo que só uma sub-comunidade muito pequena de pessoas estará fazendo e pensam nos códigos com essa aparência. E, de fato, se escrever códigos for isso, vai haver só uma pequena sub-comunidade de pessoas com habilidades especiais em matemática e histórico tecnológico que poderá escrever código.

Mas os códigos não têm que ser assim. Deixe-me mostrar a vocês como é escrever códigos no Scratch.
Então, no Scratch, para escrever o código, você simplesmente junta os blocos. 
Nesse caso, você pega um bloco de movimento, junta num conjunto e o conjunto de blocos controla o comportamento dos diferentes personagens no seu jogo ou sua estória, nesse caso controlando o peixe grande. Depois de criar o seu programa, você clica “share” (compartilhar) e então compartilha o seu projeto com outras pessoas, para que elas possam usar o projeto e começar a trabalhar no projeto também.

Então, claro, fazer um jogo de peixes não é a única coisa que você pode fazer com Scratch. Dos milhões de projetos no website do Scratch há de tudo, de estórias animadas a projetos escolares de ciências a novelas de anime a kits de construção virtuais a recriações de videogames clássicos a pesquisas de opinião política a tutoriais de trigonometria a obras de arte interativa e, sim, cartões interativos de Dia das Mães.

Então eu acho que há tantas formas diferentes para que as pessoas se expressem usando isto para poderem pegar suas idéias e compartilhar suas idéias com o mundo. E isso não fica só na tela. Você pode também escrever códigos para interagir com o mundo físico à sua volta. Aqui está um exemplo de Hong Kong onde alguns garotos fizeram um jogo e construíram seu próprio dispositivo de interface física que tinha um sensor de luz, então o sensor de luz detecta o buraco na tábua e ao mover a serra física o sensor de luz detecta o buraco e controla a serra virtual, na tela e serra a árvore.

Vamos continuar a observar novas maneiras de aproximar os mundos físico e virtual e conectar o mundo a nossa volta. Esse é um exemplo de uma nova versão do Scratch que estaremos lançando nos próximos meses, e estamos tentando ser capazes de guiá-los em novas direções. Aqui está um exemplo. Ele usa webcam. E, ao mover minha mão, posso estourar os balões ou posso mover o inseto. Então é um pouco como o Microsoft Kinect, onde você interage através de gestos no mundo.

Mas ao invés de jogar o jogo de alguém você tem a oportunidade de criar os jogos, e se você vê o jogo de alguém você pode dizer “see inside” (ver dentro) e você pode ver os conjuntos de blocos que o controlam. Então, há um bloco novo que diz quanto movimento existe no video e daí, se houver uma certa quantidade de movimento, ele dirá então ao balão para estourar.

Da mesma maneira que isto usa a câmera para levar a informação ao Scratch, você pode usar o microfone. Eis um exemplo de projeto usando o microfone. Então vou deixar vocês controlarem esse jogo usando suas vozes.

(Sons de grilos) (Gritos) (Som de mastigar) (Risada) (Aplauso)

Enquanto as crianças criam projetos como esse elas aprendem a escrever código, mas mais importante, eles estão escrevendo códigos para aprender. Porque, ao aprender a escrever códigos, isso permite a eles que aprendam muitas outras coisas abre muitas novas oportunidades de aprendizagem. De novo, é útil fazer uma analogia com leitura e escrita. Quando você aprende a ler e escrever, isso abre oportunidades para que você aprenda tantas outras coisas.
Quando você aprende a ler, você pode então ler para aprender. E é a mesma coisa ao escrever códigos. 
Se você aprende a escrever códigos, você pode escrever códigos para aprender. Agora, algumas das coisas que você aprende são um pouco óbvias. Você aprende mais sobre como os computadores funcionam. Mas isso é só o começo. Quando você aprende a escrever códigos, isso possibilita que você aprenda muitas outras coisas.

Deixe-me te mostrar um exemplo. Aqui está outro projeto, e eu vi isto quando estava visitando um dos clubes de computadores. Estes são centros de aprendizagem para após o horário da escola que nós ajudamos a criar que ajuda jovens de comunidades de baixa renda a aprender a se expressarem criativamente com novas tecnologias. E quando eu fui a um desses clubes, à alguns anos atrás, eu vi um garoto de 13 anos que estava usando nosso software Scratch para criar um jogo semelhante a esse e ele estava muito feliz com seu jogo, e muito orgulhoso de seu jogo mas também queria fazer mais.

Ele queria um placar. Então esse era um jogo em que o peixe grande come os peixes pequenos mas ele queria manter um placar, de forma que cada vez que o peixe grande comesse um peixe pequeno o placar aumentaria e ele saberia a contagem e ele não sabia como fazer isso. Então eu mostrei a ele.

No Scratch, você pode criar uma coisa chamada “variável”. Vou chamá-la “Score” (placar). E isso cria alguns blocos novos para você, e também cria um pequeno placar que mantém a contagem dos pontos então cada vez que eu clico “change score” (mudar o placar), ela aumenta os pontos. Então eu mostrei isso ao membro do clube – vamos chamá-lo de Victor – e o Victor quando viu que esse bloco o permitia aumentar o placar soube exatamente o que fazer.  Ele pegou o bloco e o colocou no programa exatamente onde o peixe grande come o peixe pequeno.
Então, cada vez que o peixe grande come um peixe pequeno, ele aumenta os pontos, e o placar vai subir um ponto. E de fato está funcionando.
E ele viu isso, e ficou tão empolgado que estendeu sua mão para mim e disse “Obrigado, obrigado, obrigado”. E o que passou na minha mente foi com que frequência um professor recebe agradecimento de seus alunos por lhes ensinar variáveis? (Risadas)

Não acontece na maioria das salas de aula, mas o motivo é que, na maioria das salas de aula, quando as crianças aprendem sobre variáveis eles não sabem porque estão aprendendo isso. Não é nada que eles podem realmente utilizar. Quando você aprende ideias como essa no Scratch você aprende de uma maneira que tem sentido e te motiva porque você compreende a razão para aprender variáveis e vemos que as crianças aprendem mais profundamente e aprendem melhor.
Victor tinha, com certeza, aprendido sobre variáveis na escola mas ele não aprendeu realmente — ele não estava prestando atenção. Agora ele tinha um motivo para aprender variáveis. 
Então, quando você aprende através da escrita de códigos, e escreve códigos para aprender, você está aprendendo num contexto significativo, e este é o melhor modo de aprender as coisas.

Então crianças como Victor estão criando projetos como esses eles estão aprendendo conceitos importantes, como variáveis, mas esse é só o começo. Enquanto Victor trabalhava nesse projeto e criava os scripts ele também estava aprendendo o processo de planejamento como começar com um lampejo de ideia e transformar isso num projeto maduro e em funcionamento como você vê aqui. Então ele estava aprendendo muitos princípios fundamentais de planejamento sobre como experimentar com novas ideias como pegar ideias complexas e dividir em partes mais simples como colaborar com outras pessoas em seus projetos sobre como encontrar e consertar defeitos quando as coisas dão errado como manter a persistência e perseverar em face de frustrações quando as coisas não estão funcionando direito. Essas são habilidades importantes que não são relevantes apenas para escrever códigos. Elas são relevantes para todo o tipo de atividades diferentes.

Agora, quem sabe se Victor vai crescer e se tornar um programador ou cientista da computação? É pouco provável mas não importa o que ele faça ele vai ser capaz de usar as habilidades de planejamento que ele aprendeu. Independentemente de ele crescer e se tornar um gerente de marketing ou um mecânico ou organizador comunitário essas ideias são úteis para todo mundo.
Novamente, é útil pensar nessa analogia com línguas. Quando você se torna fluente com leitura e escrita, não é algo que você esteja fazendo só para se tornar um escritor profissional. 
Muito poucas pessoas se transformam em escritores profissionais. Mais é útil para todos aprender a ler e escrever. De novo, a mesma coisa para escrever códigos. A maioria das pessoas não vai crescer para ser cientistas de computação ou programadores profissionais, mas aquelas habilidades de pensamento criativo argumentação sistemática, trabalho colaborativo habilidades que você desenvolve quando escreve códigos com o Scratch são coisas que as pessoas podem usar não importa o que façam em suas vidas profissionais.

E não é só para a vida profissional. Escrever códigos também possibilita que você expresse suas ideias e sentimentos em sua vida pessoal. Deixe-me terminar com só mais um exemplo. Então esse exemplo veio depois de eu ter mandado o cartão de Dia das Mães para a minha mãe, ela decidiu que queria aprender Scratch. Então ela fez esse projeto para o meu aniversário e me mandou um cartão de feliz aniversário do Scratch. Agora, esse não é um projeto que vá ganhar prêmios de design e você pode ter certeza que minha mãe, de 83 anos, não está treinando pra se tornar uma programadora profissional ou uma cientista da computação. Mas trabalhar nesse projeto permitiu a ela fazer uma conexão com alguém com quem ela se importa e permitiu a ela continuar a aprender coisas novas e continuar a praticar sua criatividade e desenvolver novas formas de se expressar.

Então, ao olhar e ver que Michael Bloomberg está aprendendo a escrever código todas as crianças da Estônia aprendem a escrever código até minha mãe está aprendendo a escrever códigos você não acha que está na hora de você talvez começar a pensar em aprender a escrever código? Se você estiver interessado em tentar eu encorajaria você a ir ao website do Scratch e tentar escrever um código.

Muito obrigado. (aplauso) 

Fonte: TED
[Visto no Brasil Acadêmico

COMMENTS

BLOGGER

$show=mobile

Nome

#existepesquisanobrasil,1,Abelha,3,Acessibilidade,23,Acessórios,2,Acidente,50,Acústica,16,Adestramento,5,Administração,32,Aerodinâmica,4,Aeronáutica,8,África,6,Agência Bori,1,Agência Brasil,22,Agência FAPESP,3,Agência Fiocruz,1,Agência Porvir,1,Agência Senado,1,Agência USP,4,Agricultura,6,Agropecuária,3,AirBNB,1,Alcoolismo,7,Alemanha,6,Alemão,4,Alerta,1,Algoritmo,8,Alimento,1,Alzheimer,4,Amazon,3,Amazônia,4,América Latina,1,Análise Combinatória,1,Análise de Texto,2,Anatomia,7,Android,3,Animação,50,Animais de Estimação,6,Animal,2,Antropologia,14,Apicultura,8,App,9,Apple,5,Apresentação,4,aquário,1,Argentina,4,Armamento,1,Arqueologia,6,arquitetura,30,Arte,158,Astrobiologia,3,Astrofísica,3,Astronomia,26,Ativismo,29,Áudio,3,Audio FX,2,Áustria,1,Autismo,2,Auto-ajuda,10,Automobilismo,15,Automóvel,20,aventura,3,Aviação,5,Aviônica,8,Bahia,2,Balonismo,3,Banco Central,1,Banco de Dados,5,Beber e Dirigir,1,biblioteconomia,4,Bicicleta,1,Biografia,16,Biologia,161,Biologia Marinha,15,bioquímica,6,Biotecnologia,25,Bitcoin,2,Blog,29,Blogger,33,Boato,6,Bomba,1,Botânica,5,BRASA,1,BRASA Leads,1,Brasil,39,Brasília,16,BRIC,1,Browser,10,Bugs,3,CAD,3,Calor,2,Câmera lenta,1,Campanha,46,cardiologia,15,Carnaval,2,carreira,2,Cartografia,3,Casemods,1,Caso Isabella Nardoni,1,Caso Snowden,1,Ceará,1,Celebridades,6,celular,24,Células-Tronco,4,Cérebro,2,Charge,22,China,20,Cibercultura,2,Ciclovia,1,Cidadania,39,Ciência,197,Cinema,65,Climatologia,1,Clip,1,Cliparts,1,Cloud computing,4,Coaching,12,Comédia,2,competência,2,Complemento de dois,1,Comportamento,260,Computação,81,Computação em grade,5,Computação forense,3,Computação Gráfica,136,Computação Móvel,1,Computação Quântica,1,Comunicação e Marketing,138,Concurso,2,Concurso Cultural de Natal,1,Concursos Público,2,Concursos Públicos,4,Conectômica,1,Conferência,1,Congresso em Foco,1,Conspiração,2,Consumidor,7,Consumismo,3,contabilidade,2,Contos,52,Copa do Mundo,27,Cordel,3,Coreia do Norte,1,Coreia do Sul,1,Corpo,2,Coruja,1,cosmética,3,Cosmologia,21,Covid-19,54,Crash Course,1,Criança,1,Criatividade,4,Crime,48,Crime Digital,7,crise,11,crise econômica,8,crônica,6,crônicas,5,Cronologia,1,CSS,3,Cuba,4,Culinária,8,Cultura,15,Curiosidades,113,custos fixo,1,custos variáveis,1,Dança,6,DAO,1,Darwin,10,Davos,1,Debate,2,Decoração,1,demência,1,Demografia,3,Denúncia,11,Dermatologia,7,Desastre Natural,13,Descoberta,2,Desenho instrucional,13,Desenvolvimento de jogos,10,Design,27,Design Instrucional,11,Destaque,32,Dia das Mães,1,Dia do professor,1,diabetes,6,Dicas,66,Didática,1,Dieta,3,diplomacia,3,Direito,179,Direito Eleitoral,1,Direito Internacional,28,Direito Militar,1,Direito Trabalhista,1,Direito Tributário,2,Direitos Autorais,2,Direitos Humanos,37,Disney,5,Distrito Federal,4,Documentário,61,Doutorado,1,download,3,Drogas,7,Drone,3,Dubai,1,e-Book,2,e-governo,2,EBC,1,Ecologia,82,Economia,110,Editoração Eletrônica,1,Educação,373,Educação a Distância,168,Educação Corporativa,6,educação física,19,Educação sexual,6,Efeitos Sonoros,4,Egiptologia,2,Eleições,25,Eleições 2014,12,Eleições 2018,5,Eleições 2020,2,Eletricidade,9,eletrônica,3,Em Operários,1,Embrapa,4,empreendedorismo,6,enciclopédia,1,endocrinologia,5,Enem,3,Energia,14,Energia Alternativa,17,Energia Nuclear,11,Enfermagem,1,Engenharia,63,Engenharia Agrícola,1,Engenharia Civil,4,Engenharia de materiais,16,Engenharia de Software,5,Engenharia Genética,31,Engenharia Mecânica,1,Enretenimento,1,Ensino a Distância,11,Ensino Superior,5,Entomologia,7,Entretenimento,45,Entrevista,90,Entrevista.,1,Epidemiologia,56,Epistemologia,1,Equador,1,Escândalo,5,Escritório,1,Espaço,66,Espanha,1,Espanhol,2,Espeleologia,1,Espetáculo,8,Espionagem,20,Esporte,41,Estação,1,Estágio,2,Estatísticas,36,estrutura de dados,1,Ética,25,EUA,16,Europa,2,Evento,40,Evolução,5,Exercícios físicos,2,Exobiologia,3,experiência,43,fábulas,3,Facebook,17,Família,1,Farmacologia,17,Favo,1,Feminismo,1,Férias,1,Ferramentas,9,FIFA,2,Filantropia,4,Filmes,16,Filosofia,47,Finep,2,Finlândia,1,Fintech,1,Firefox,1,Física,109,Física Quântica,4,Fisiologia,7,Fisioterapia,6,Flagrante,2,Flamengo,1,Folclore,3,Fome,1,Fomento,1,Fonética,1,Fonoaudiologia,7,Fotografia,42,Fotos em 360 graus,6,França,7,Francês,4,Frase,3,Fraude,5,Freeware,71,Futebol,38,Futurologia,86,gadget,87,gadgets,1,Gafe,2,Gamificação,5,Gastroenterologia,5,Gastronomia,2,Geek,1,Genética,40,Geofísica,1,Geografia,54,Geologia,10,Geometria,6,geopolítica,20,Gerenciamento do Tempo,1,Geriatria,10,Gestão de Competências,2,Gestão de Configuração,2,Gestão de Pessoas,5,Gestão de Projetos,19,Gestão do conhecimento,7,Ginecologia,3,Glass,1,Google,79,Governo,4,GPS,1,Gradiente,1,gramática,15,Gravidez,1,Grécia,1,Grécia Antiga,1,Guerra,37,Guerra Civil,2,Guinness,1,H2,2,Haiti,3,hardware,36,História,201,HIV,1,Hololens,2,homenagem,46,Horologia,1,HPV,1,HTML,6,Humor,211,Humor Negro,9,IBGE,2,IBM,4,ICIJ,2,Idioma,53,IESB,2,IHC,8,ilo,29,ilusão,35,ilusionismo,5,Imagem 3D,16,Imagens,7,Imagine Cup,1,Império Romano,7,Imprensa,34,Impressora 3D,20,Imunologia,4,Incêndio,2,Inclusão digital,8,Índia,4,Índios,1,Infectologia,28,Infográfico,54,Informática,38,Inglaterra,3,Inglês,26,Inovação,189,Inspiração,1,Inteligência Artificial,111,intercâmbio,1,Interface,192,Interfaces Hápticas,20,Internacional,23,Internacionalização da Amazônia,3,Internet,163,Internet das Coisas,2,Inundação,2,Invenção,20,Inventos,6,iPad,1,IPEA,1,iphone,3,Irã,3,Iraque,1,Israel,6,Itália,2,Japão,4,Java,2,Java.,2,jogos,10,Jogos educativos,14,Jogos Olímpicos,10,Jornalismo,71,José Saramago,1,Justiça,4,Ken Robinson,1,Kinect,10,Le Monde Diplomatique Brasil,9,Le Monde Diplomatique Brasil,1,Letras,2,Lexicografia,5,Liderança,4,Life Hacking,20,línguas estrangeiras,3,Linguística,11,Literatura,57,Livro,65,Lógica,26,Logística,4,Loterias,4,Lua,1,Maçonaria,4,Malásia,2,Malvinas,2,Malware,1,Mapa,78,Mário Sérgio Conti,1,Marte,2,Mastologia,1,Matemática,79,Matemática Financeira,1,maternidade,1,Mecânica,8,Mecânica dos Fluidos,2,Mecatrônica,46,Medicina,520,Medicina Esportiva,1,Medicina Veterinária,4,Meio Ambiente,105,Mel,1,melanoma,1,Memória,5,memorização,4,Mente,4,Mercado de Trabalho,74,mercosul,1,Mestrado,4,meteorologia,11,Metodologia Científica,48,México,1,Microbiologia,4,Microsoft,16,Mídia Social,56,Militar,15,Mineralogia,1,Mistério,3,MIT,13,Mitologia,2,Mobilidade,1,Mobilidade Urbana,9,Moda,1,MonaVie,1,Montanhismo,1,Moodle,7,Mossad,1,Motivação,1,Movimento Maker,2,MSF,1,Mudança Climática,21,Mulher,4,Multimídia,14,museu,12,Música,87,MVC,1,Nanotecnologia,35,Nasa,16,Natação,2,Natal,17,Natureza,2,Negócios,27,Netflix,1,Neurociência,87,Neurologia,78,Nicolelis,1,Nordeste,2,Noruega,2,notícias,8,Novidades,18,Novo Enem,2,Números,2,Nutrição,64,Obama,1,Obesidade,10,Observatório da Imprensa,27,Obstetrícia,3,Oceanografia,7,odontologia,7,Offshore Leaks,2,oftalmologia,11,Olimpíadas,7,oncologia,49,ONU,8,Opinião,98,Óptica,17,Oracle,1,Oriente Médio,5,Orkut,2,Ornitologia,1,ortografia,3,Ortopedia,4,Ótica,8,Otorrinolaringologia,2,Oxfam,3,Pacifismo,1,Paginadores,1,paleontologia,3,Paquistão,1,Pará,2,Paraguai,2,parkinson,2,Passeio virtual,1,Patinação,1,Pedagogia,3,Pediatria,6,Pensamentos,3,performance,2,Periférico,1,Pesca,2,Pesquisa,218,Petição,1,Petrobrás,9,Petróleo,12,Photoshop,5,Pirataria,7,planilha de custo,1,Playstation 3,2,Plebiscito,3,Pneumologia,1,Podcast,4,Poesia,29,Política,302,Portugal,7,português,19,Pós-graduação,2,Pré-sal,5,Prêmio Nobel,7,primatologia,1,Primeira Guerra Mundial,1,privacidade,20,produtividade,3,professor Hamilton Alves,2,Programa Gratuito,4,Programação,53,Projeção Mapeada,1,Projeto Truco,2,Promoção,1,Propaganda,5,Psicanálise,1,Psicologia,273,Psicologia Animal,25,Psiquiatria,14,Pública,13,publicidade,19,Publieditorial,5,Quadrinhos,10,Quads,5,Qualidade,3,Qualidade de Vida,11,química,32,REA,2,realidade aumentada,44,realidade diminuída,2,Realidade Misturada,2,Realidade Virtual,40,Reconhecimento de imagem,12,Reconhecimento de voz,3,Recorde,1,Recoverit,1,Recuperar vídeos,1,Redação,1,redes,12,Referência,2,Referendo,1,Reforma Política,3,Reino Unido,1,Relacionamento,2,Relações Internacionais,40,Religião,40,Responsabilidade Social,4,Retrospectiva,1,Review,7,Rio 2016,6,Rio de Janeiro,2,Rio Grande do Norte,1,Rio Grande do Sul,1,robótica,101,Roda Viva,49,Roma,6,roteiro,1,RSA,1,RTP,1,Rússia,2,Samsung,1,Sanitarismo,5,Santa Catarina,1,São Paulo,4,Saúde,554,Savant,1,Segunda Guerra Mundial,23,Segurança,120,Segurança da Informação,61,Seleção Natural,2,Séries,2,serviço,1,Serviço Online,1,Sexologia,2,sexualidade,5,Show,7,SIGGRAPH,1,Simulação,30,Singularity University,1,Síria,3,Sismologia,2,Sistema operacional,4,Sistemas de Numeração,1,Sites de Busca,14,Sociedade,5,Sociologia,54,Software,32,Software Livre,25,Sol,2,Sono,4,Sony,2,SOPA,2,Star Wars,1,Startup,2,Suécia,3,Sugestão de presentes,63,Sun,1,supercomputadores,2,Sustentabilidade,5,Tabagismo,6,Taiwan,1,Talento precoce,1,Taxas Equivalentes,1,Taxidermia,1,Teatro,26,Técnicas de Estudo,2,Tecnologia,566,Tecnologia da Informação,28,TED,423,TED-Ed,47,TedMed,2,TEDx,2,TEDx Rio+20,1,TEDxAmazônia,1,TEDxAsaSul,1,Telefonia,60,Televisão,43,Temas,1,Tempo,1,Tendências,10,Teologia,5,teoria das supercordas,1,Teoria dos Jogos,1,Terremoto,7,Terrorismo,15,Tesla,1,Testes,17,Tipologia,8,Tomada de Decisão,1,tradução,5,Trânsito,12,transporte,55,Tributo,3,Trigonometria,1,Tubarão,2,Tunísia,1,Turismo,23,Tutorial,20,Twitter,8,Uber,4,UFC,1,UFG,1,ufologia,5,UFRJ,1,UFSC,1,Unicamp,3,UNIFESP,1,universidade,6,Universidade Corporativa,1,Universidade da Califórnica,1,Universidade da Pensilvânia,1,Universidade de Cambridge,2,Universidade de Chicago,1,Universidade de Michigan,1,Universidade de Princeton,1,Universidade de Rochester,1,Urbanismo,24,Urologia,1,User Experience,1,USP,9,Utilidade Pública,3,Utilitário,3,Vale,1,Vaticano,1,Veículo Autônomo,8,Ventriloquismo,3,Verão,1,vestibular,3,Vestimenta,1,Vida Digital,7,Vida Moderna,18,Vida Selvagem,10,Videogame,116,Vídeos,967,Vídeos 360,1,Violência,5,Vírus,18,Visão Computacional,10,Vôlei,1,Vulcanologia,6,Watergate Política,1,WCIT 2016,2,WCIT 2017,1,Web,1,Web 2.0,29,Web Application,146,Web Semântica,2,Web Seminar,1,webdesign,11,Webinar,2,widget,2,WikiLeaks,37,Wikipedia,4,Windows,5,Xadrez,2,YouTube,6,Zika,1,Zoologia,57,
ltr
item
Brasil Acadêmico: Vamos ensinar as crianças a programar
Vamos ensinar as crianças a programar
https://4.bp.blogspot.com/-FaYwHZ1hASk/Xz4yMK2FUjI/AAAAAAABENg/67S4eAX3idEkgAz9pIxg5mu24XnvJQY-wCLcBGAsYHQ/s1600/resnick.jpg
https://4.bp.blogspot.com/-FaYwHZ1hASk/Xz4yMK2FUjI/AAAAAAABENg/67S4eAX3idEkgAz9pIxg5mu24XnvJQY-wCLcBGAsYHQ/s72-c/resnick.jpg
Brasil Acadêmico
https://blog.brasilacademico.com/2020/08/vamos-ensinar-as-criancas-programar.html
https://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/2020/08/vamos-ensinar-as-criancas-programar.html
true
3049085869098582068
UTF-8
Todos os posts carregados Nenhumpost encontrado VER TODOS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Home Páginas POSTS Ver Todos Recomendado para você CATEGORIA ARQUIVO BUSCA TODOS POSTS Não encontrado nehum post de acordo com o seu critério Voltar para Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agorinha 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais que 5 semanas atrás Seguidores Seguir THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy