Mohamed Ali: A conexão entre o desemprego e o terrorismo

Comentar

Para os jovens desempregados nas grandes cidades do mundo, sonhos de oportunidades e riqueza se realizam -- porém muitas vezes porque eles s...

Para os jovens desempregados nas grandes cidades do mundo, sonhos de oportunidades e riqueza se realizam -- porém muitas vezes porque eles são recrutados por grupos terroristas e outras organizações violentas. O defensor dos direitos humanos, Mohamed Ali, faz uso de histórias de sua cidade natal, Mogadíscio, para criar um argumento poderoso em favor de incubadores da inovação para os jovens e ambiciosos de nossas cidades.

Eu gostaria de falar sobre uma história de um garoto de uma cidade pequena. Eu não sei seu nome dele, mas conheço a sua história. Ele vive em uma pequena aldeia no sul da Somália. Sua aldeia fica perto de Mogadíscio.



A seca leva a pequena aldeia à pobreza e à beira da morte pela fome. Sem nada para ele lá, ele vai para a cidade grande, neste caso, Mogadíscio, capital da Somália. Quando ele chega, não há oportunidades, não há trabalho, não há caminho a seguir. Ele acaba vivendo num acampamento na periferia de Mogadíscio. Um ano se passa, talvez, e nada. Um dia, ele é abordado por um cavalheiro que se oferece para levá-lo para almoçar, em seguida, para o jantar, café da manhã. Ele conhece um grupo dinâmico de pessoas, e eles lhe dão uma chance. Ele recebeu um pouco de dinheiro para comprar algumas roupas novas, dinheiro para mandar para sua família. Ele é apresentado a uma jovem. Ele se casa, enfim. Ele começa uma nova vida. Ele tem um propósito na vida. Um belo dia, em Mogadíscio, sob um céu azul-celeste, um carro-bomba é detonado. Aquele garoto de cidade pequena com os sonhos da cidade grande era o homem-bomba, e o grupo dinâmico de pessoas eram al Shabaab, uma organização terrorista ligada à Al Qaeda. Então, como é que a história de um garoto de uma cidade pequena apenas tentando ser bem sucedido na cidade acaba com ele se explodindo? Ele estava esperando. Ele estava esperando por uma oportunidade, esperando para começar o seu futuro, esperando por um caminho a seguir, e esta foi a primeira coisa que apareceu. Esta foi a primeira coisa que o tirou do que chamamos de estado de espera. E sua história se repete em centros urbanos ao redor do mundo. É a história da juventude urbana destituída e desempregada que provoca motins em Joanesburgo, inicia tumultos em Londres, que estende a mão para uma coisa diferente do estado de espera. Para os jovens, a promessa da cidade, o sonho da cidade grande é o da oportunidade, do emprego, da riqueza, mas os jovens não estão compartilhando a prosperidade de suas cidades. Muitas vezes é a juventude que sofre das mais altas taxas de desemprego. Em 2030, três em cada cinco pessoas que vivem em cidades estarão com menos de 18 anos. Se não incluirmos os jovens no crescimento de nossas cidades, se não lhes proporcionarmos oportunidades, a história do estado de espera, a porta de entrada para o terrorismo, violência, gangues, será a história das cidades 2.0. E, na minha cidade natal, Mogadíscio, 70% dos jovens sofrem com o desemprego. 70% não trabalham, não vão à escola. Eles praticamente não fazem nada. Voltei para Mogadíscio no mês passado, e eu fui visitar Hospital Madina, o hospital em que nasci. Lembro-me de ficar na frente daquele hospital cheio de balas, pensando: "E se eu nunca tivesse ido embora? E se eu tivesse sido forçado naquele mesmo estado de espera? Será que eu teria me tornado um terrorista?" Eu não tenho certeza da resposta. Minha razão para estar em Mogadíscio naquele mês era na verdade para sediar uma cúpula de liderança e empreendedorismo jovem. Eu reuni cerca de 90 jovens líderes somalis. Nós nos sentamos e debatemos as soluções para os maiores desafios que a cidade enfrentava. Um dos jovens no salão era Aden. Ele cursou universidade em Mogadíscio, e se formou. Não havia empregos, não havia oportunidades. Eu lembro que ele me disse que, porque ele estava formado na faculdade, desempregado, frustrado, ele era o alvo perfeito para a al Shabaab e outras organizações terroristas, para ser recrutado. Eles buscavam pessoas como ele. Mas sua história toma um caminho diferente. Em Mogadíscio, a maior barreira para ir do ponto A ao ponto B são as estradas. 23 anos de guerra civil destruíram completamente o sistema de estradas, e uma moto pode ser a maneira mais fácil de se locomover. Aden viu uma oportunidade e a aproveitou. Ele abriu uma empresa de motocicletas. Ele começou a alugar motos para os moradores locais, que normalmente não poderiam pagar. Ele comprou 10 motos, com a ajuda de familiares e amigos, e seu sonho é, um dia, expandir para algumas centenas dentro dos próximos três anos. Como essa é uma história diferente? O que faz sua história diferente? Acredito que seja sua capacidade de identificar e aproveitar uma nova oportunidade. É empreendedorismo, e eu acredito que empreendedorismo pode ser a ferramenta mais poderosa contra o estado de espera. Ele capacita jovens para serem os criadores das próprias oportunidades econômicas que eles tão desesperadamente buscam. E pode-se treinar os jovens para serem empreendedores. Eu gostaria de contar a vocês sobre um jovem que estava em uma de minhas reuniões, Mohamed Mohamoud, um florista. Ele estava me ajudando a treinar alguns dos jovens na cúpula de empreendedorismo e como ser inovador e como criar uma cultura de empreendedorismo. Ele é, na verdade, o primeira florista em Mogadíscio em mais de 22 anos, e até recentemente, antes que Mohamed chegasse, se você quisesse flores em seu casamento, você usaria buquês de plástico trazidos do exterior. Se você perguntasse a alguém: "Quando foi a última vez que você viu flores viçosas?", para muitos que cresceram sob a guerra civil, a resposta seria: "Nunca". Então, Mohamed viu uma oportunidade. Ele abriu uma empresa de paisagismo e design floral. Ele criou uma fazenda nos arredores de Mogadíscio, e começou a cultivar tulipas e lírios, que ele disse que aguentariam o clima rigoroso de Mogadíscio. E ele começou a entregar flores para casamentos, criar jardins nas casas e lojas em toda a cidade, e ele agora está trabalhando na criação do primeiro parque público de Mogadíscio em 22 anos. Não há nenhum parque público em Mogadíscio. Ele quer criar um espaço onde as famílias, jovens, possam se reunir, e, como ele diz, cheirar as rosas proverbiais. E ele não cultiva rosas porque elas precisam de muita água, a propósito. Então, o primeiro passo é inspirar os jovens, e naquela salão, a presença de Mohamed teve um impacto muito profundo na juventude naquele salão. Eles nunca tinham pensado em abrir um negócio. Eles já tinham pensado em trabalhar para uma ONG, trabalhar para o governo, mas sua história, sua inovação, realmente teve um forte impacto neles. Ele os fez encarar a cidade como um lugar de oportunidades. Ele lhes deu o poder para acreditar que poderiam ser empreendedores, que eles poderiam ser agentes de mudança. Ao final do dia, eles estavam tendo ideias de soluções inovadoras para alguns dos maiores desafios que a cidade enfrenta. Eles criaram soluções empreendedoras para os problemas locais. Dar inspiração aos jovens e criar uma cultura de empreendedorismo é um passo realmente grande, mas os jovens precisam de capital para realizar suas ideias. Eles precisam de experiência e orientação para orientá-los no desenvolvimento e lançamento de seus negócios. Conecte os jovens aos recursos de que necessitam, forneça-lhes o apoio necessário para ir da idealização à criação, e você vai criar catalisadores para o crescimento urbano. Para mim, o empreendedorismo é mais do que apenas abrir um negócio. Trata-se da criação de um impacto social. Mohamed não está somente vendendo flores. Acredito que ele está vendendo esperança. Seu Parque da Paz, e é assim que ele o chama, quando ele for criado, vai mesmo transformar a maneira como as pessoas veem sua cidade. Aden contratou crianças de rua para ajudar a alugar e manter aquelas motos para ele. Ele lhes deu a oportunidade de escapar da paralisia do estado de espera. Estes jovens empreendedores estão causando um tremendo impacto em suas cidades. Então, a minha sugestão é: transformem os jovens em empreendedores, incubem e estimulem sua inovação inerente, e vocês terão mais histórias de flores e Parques da Paz do que de carros-bomba e espera.

Obrigado.

(Aplausos)

[Via BBA]

COMMENTS

BLOGGER

$show=mobile

Nome

#existepesquisanobrasil,1,A divulgar,2,Abelha,3,Acessibilidade,20,acessório,2,Acidente,48,Acidentes,2,Acústica,16,Adágios,1,Adestramento,5,Administração,26,adulto,1,Aerodinâmica,4,Aeronáutica,8,África,6,Agência Brasil,19,Agência Fiocruz,1,Agência Porvir,1,Agência Senado,1,Agência USP,4,Agricultura,4,Agropecuária,2,AIDS,1,AirBNB,1,Alcoolismo,7,Alemanha,3,Alerta,1,Algoritmo,8,Alimento,1,Alzheimer,4,Amazon,2,Amazônia,4,América Latina,1,Análise Combinatória,1,Anatomia,7,Android,3,Animação,47,Animais de Estimação,6,Animal,2,Antropologia,14,Apicultura,8,App,9,Apple,5,Apresentação,4,aquário,1,Argentina,4,Arqueologia,5,arquitetura,29,Arte,149,Astrobiologia,2,Astrofísica,3,Astronomia,25,Ativismo,26,Áudio,3,Audio FX,2,Áustria,1,Autismo,2,Auto-ajuda,10,Automobilismo,14,Automóvel,19,aventura,3,Aviação,5,Aviônica,8,Bahia,2,Balonismo,3,Banco Central,1,Banco de Dados,5,Beber e Dirigir,1,biblioteconomia,3,Bicicleta,1,Biografia,16,Biologia,157,Biologia Marinha,15,bioquímica,6,Biotecnologia,25,Bitcoin,2,Blog,29,Blogger,32,Boato,5,Bomba,1,borderô de desconto,1,Botânica,5,BRASA,1,BRASA Leads,1,Brasil,34,Brasília,14,BRIC,1,Browser,10,Bugs,3,CAD,3,Calor,2,Câmera lenta,1,Campanha,44,cardiologia,14,Carnaval,2,carreira,2,Cartografia,3,Casemods,1,Caso Isabella Nardoni,1,Caso Snowden,1,Ceará,1,Celebridades,6,celular,24,Células-Tronco,3,Cérebro,2,Charge,22,China,16,Cibercultura,2,Ciclovia,1,Cidadania,39,Ciência,183,Cinema,63,Clip,1,Cliparts,1,Cloud computing,4,Coaching,12,Comédia,2,competência,1,Complemento de dois,1,Comportamento,251,Computação,81,Computação em grade,5,Computação forense,3,Computação Gráfica,135,Computação Móvel,1,Computação Quântica,1,Comunicação e Marketing,131,Concurso,1,Concurso Cultural de Natal,1,Concursos Público,2,Concursos Públicos,3,Conectômica,1,Conferência,1,Congresso em Foco,1,Conspiração,2,Consumidor,7,Consumismo,3,contabilidade,2,Contos,46,Copa do Mundo,27,Cordel,3,Coreia do Norte,1,Coreia do Sul,1,Corpo,2,Coruja,1,cosmética,3,Cosmologia,21,Crash Course,1,Criança,1,Criatividade,3,Crime,46,Crime Digital,7,crise,11,crise econômica,8,crônica,5,crônicas,5,Cronologia,1,CSS,3,Cuba,4,Culinária,8,Cultura,9,Curiosidades,112,custos fixo,1,custos variáveis,1,Dança,6,DAO,1,Darwin,9,Davos,1,Debate,1,Decoração,1,demência,1,Demografia,3,Denúncia,10,Dermatologia,7,Desastre Natural,13,Descoberta,2,desconto duplicatas,1,Desenho instrucional,11,Desenvolvimento de jogos,9,Design,25,Design Instrucional,6,Destaque,25,Dia das Mães,1,Dia do professor,1,diabetes,6,Dicas,66,Didática,1,Dieta,3,diplomacia,3,Direito,174,Direito Eleitoral,1,Direito Internacional,28,Direito Trabalhista,1,Direito Tributário,2,Direitos Autorais,1,Direitos Humanos,37,Disney,5,Distrito Federal,2,Documentário,60,Doutorado,1,download,3,Drogas,7,Drone,3,Dubai,1,e-Book,2,e-governo,2,EBC,1,Ecologia,81,Economia,107,Editoração Eletrônica,1,Educação,332,Educação a Distância,143,Educação Corporativa,4,educação física,19,Educação sexual,6,Efeitos Sonoros,4,Egiptologia,1,Eleições,23,Eleições 2014,12,Eleições 2018,5,Eletricidade,9,eletrônica,3,Em Operários,1,Embrapa,1,empreendedorismo,6,enciclopédia,1,endocrinologia,5,Enem,3,Energia,14,Energia Alternativa,16,Energia Nuclear,11,Engenharia,62,Engenharia Agrícola,1,Engenharia Civil,4,Engenharia de materiais,13,Engenharia de Software,4,Engenharia Genética,30,Engenharia Mecânica,1,Enretenimento,1,Ensino a Distância,9,Ensino Superior,3,Entomologia,7,Entretenimento,41,Entrevista,85,Entrevista.,1,Epidemiologia,21,Epistemologia,1,Equador,1,Escândalo,5,Escritório,1,Espaço,66,Espanha,1,Espanhol,2,Espeleologia,1,Espetáculo,8,Espionagem,20,Esporte,39,Estação,1,Estágio,2,Estatísticas,32,estrutura de dados,1,Ética,24,EUA,14,Europa,2,Evento,37,Evolução,4,Exercícios físicos,2,Exobiologia,2,experiência,42,fábulas,3,Facebook,17,Farmacologia,8,Favo,1,Feminismo,1,Férias,1,Ferramentas,6,FIFA,2,Filantropia,4,Filmes,16,Filosofia,47,Finlândia,1,Fintech,1,Firefox,1,Física,103,Física Quântica,3,Fisiologia,7,Fisioterapia,6,Flagrante,2,Flamengo,1,Folclore,3,Fome,1,Fonética,1,Fonoaudiologia,6,Fotografia,40,Fotos em 360 graus,6,França,6,Francês,2,frases,2,Fraude,5,Freeware,67,Futebol,38,Futurologia,80,gadget,88,Gafe,2,Gamificação,5,Gastroenterologia,5,Gastronomia,2,Geek,1,Genética,39,Geofísica,1,Geografia,52,Geologia,10,Geometria,6,geopolítica,20,Gerenciamento do Tempo,1,Geriatria,10,Gestão de Competências,2,Gestão de Configuração,2,Gestão de Pessoas,3,Gestão de Projetos,17,Gestão do conhecimento,6,Ginecologia,3,Glass,1,Google,79,Governo,4,GPS,1,Gradiente,1,gramática,13,Gravidez,1,Grécia,1,Grécia Antiga,1,Guerra,36,Guerra Civil,2,Guinness,1,H2,2,Haiti,3,hardware,35,História,191,HIV,1,Hololens,2,homenagem,45,Horologia,1,HPV,1,HTML,6,Humor,209,Humor Negro,8,IBGE,2,IBM,4,ICIJ,2,Idioma,43,IHC,8,ilo,29,ilusão,34,ilusionismo,5,Imagem 3D,16,Imagens,6,Imagine Cup,1,Império Romano,6,Imprensa,33,Impressora 3D,16,Imunologia,2,Incêndio,2,Inclusão digital,8,Índia,3,Índios,1,Infectologia,16,Infográfico,47,Informática,38,Inglaterra,3,Inglês,22,Inovação,180,Inspiração,1,Inteligência Artificial,98,intercâmbio,1,Interface,188,Interfaces Hápticas,20,Internacional,22,Internacionalização da Amazônia,3,Internet,160,Internet das Coisas,2,Inundação,2,Invenção,20,Inventos,6,iPad,1,IPEA,1,iphone,3,Irã,3,Iraque,1,Israel,6,Japão,2,Java,2,Java.,2,jogos,10,Jogos educativos,13,Jogos Olímpicos,10,Jornalismo,69,Justiça,4,Kinect,10,Le Monde Diplomatique Brasil,9,Le Monde Diplomatique Brasil,1,Letras,1,Lexicografia,5,Liderança,3,Life Hacking,20,Linguística,9,Literatura,55,Livro,58,Lógica,25,Logística,4,Loterias,4,Lua,1,Maçonaria,4,Malásia,2,Malvinas,2,Malware,1,Mapa,69,Mário Sérgio Conti,1,Marte,2,Mastologia,1,Matemática,76,Matemática Financeira,1,maternidade,1,Mecânica,8,Mecânica dos Fluidos,2,Mecatrônica,46,Medicina,471,Medicina Esportiva,1,Medicina Veterinária,4,Meio Ambiente,104,Mel,1,melanoma,1,Memória,5,memorização,4,Mente,4,Mercado de Trabalho,70,mercosul,1,Mestrado,1,meteorologia,11,Metodologia Científica,44,México,1,Microbiologia,4,Microsoft,14,Mídia Social,54,Militar,14,Mineralogia,1,Mistério,2,MIT,12,Mitologia,2,Mobilidade,1,Mobilidade Urbana,9,MonaVie,1,Montanhismo,1,Moodle,7,Mossad,1,Motivação,1,Movimento Maker,1,MSF,1,Mudança Climática,20,Mulher,4,Multimídia,14,museu,10,Música,82,MVC,1,Nanotecnologia,33,Nasa,16,Natação,2,Natal,17,Natureza,1,Negócios,25,Netflix,1,Neurociência,83,Neurologia,77,Nicolelis,1,Nordeste,2,Noruega,1,notícias,8,Novidades,18,Novo Enem,2,Números,1,Nutrição,63,Obama,1,Obesidade,10,Observatório da Imprensa,26,Obstetrícia,3,Oceanografia,7,odontologia,7,Offshore Leaks,2,oftalmologia,11,Olimpíadas,7,oncologia,45,ONU,8,Opinião,92,Óptica,17,Oracle,1,Oriente Médio,5,Orkut,2,Ornitologia,1,ortografia,3,Ortopedia,3,Ótica,8,Otorrinolaringologia,1,Oxfam,2,Pacifismo,1,Paginadores,1,paleontologia,3,Paquistão,1,Pará,2,Paraguai,2,parkinson,2,Passeio virtual,1,Patinação,1,Pedagogia,1,Pediatria,6,Pensamentos,2,performance,2,Periférico,1,Pesca,2,Pesquisa,198,Petição,1,Petrobrás,9,Petróleo,12,Photoshop,5,Pirataria,7,planilha de custo,1,Playstation 3,2,Plebiscito,3,Pneumologia,1,Podcast,4,Poesia,28,Poítica,1,Politica,5,Política,288,Portugal,6,português,18,Pós-graduação,1,prazo médio,1,Pré-sal,5,Prêmio Nobel,6,primatologia,1,Primeira Guerra Mundial,1,privacidade,18,produtividade,3,professor Hamilton Alves,2,Programa Gratuito,4,Programação,51,Projeção Mapeada,1,Projeto Truco,2,Promoção,1,Propaganda,5,Psicanálise,1,Psicologia,267,Psicologia Animal,24,Psiquiatria,13,Pública,12,publicidade,19,Publieditorial,4,Quadrinhos,10,Quads,5,Qualidade,3,Qualidade de Vida,11,química,32,REA,2,realidade aumentada,44,realidade diminuída,2,Realidade Misturada,2,Realidade Virtual,37,Reconhecimento de imagem,12,Reconhecimento de voz,3,Recorde,1,Recoverit,1,Recuperar vídeos,1,Redação,1,redes,10,Referência,2,Referendo,1,Reforma Política,3,Reino Unido,1,Relacionamento,2,Relações Internacionais,40,Religião,39,Responsabilidade Social,4,Retrospectiva,1,Review,4,Rio 2016,6,Rio de Janeiro,1,Rio Grande do Norte,1,Rio Grande do Sul,1,robótica,97,Roda Viva,45,Roma,5,roteiro,1,RSA,1,Rússia,1,Samsung,1,Sanitarismo,5,Santa Catarina,1,São Paulo,4,Saúde,488,Savant,1,Segunda Guerra Mundial,23,Segurança,117,Segurança da Informação,60,Seleção Natural,2,Séries,2,serviço,1,Serviço Online,1,Sexologia,2,sexualidade,5,Show,7,SIGGRAPH,1,Simulação,29,Singularity University,1,Síria,3,Sismologia,2,Sistema operacional,4,Sistemas de Numeração,1,Sites de Busca,14,Sociedade,4,Sociologia,52,Software,32,Software Livre,25,Sol,2,Sono,4,Sony,2,SOPA,2,Star Wars,1,Suécia,3,Sugestão de presentes,61,Sun,1,supercomputadores,2,Sustentabilidade,5,Tabagismo,6,Taiwan,1,Talento precoce,1,taxa de juros efetiva,1,taxa de juros nominal,1,Taxas Equivalentes,1,Taxidermia,1,Teatro,26,Técnicas de Estudo,2,Tecnologia,540,Tecnologia da Informação,28,TED,390,TED-Ed,40,TedMed,2,TEDx,1,TEDx Rio+20,1,TEDxAmazônia,1,TEDxAsaSul,1,Telefonia,59,Televisão,43,Temas,1,Tempo,1,Tendências,10,Teologia,5,teoria das supercordas,1,Terremoto,7,Terrorismo,15,Tesla,1,Testes,17,Tipologia,8,Tomada de Decisão,1,tradução,5,Trânsito,11,transporte,55,tributo,3,Trigonometria,1,Tubarão,2,Tunísia,1,Turismo,21,Tutorial,20,Twitter,8,Uber,4,UFC,1,UFG,1,ufologia,5,UFRJ,1,Unicamp,1,UNIFESP,1,universidade,5,Universidade Corporativa,1,Universidade de Cambridge,2,Universidade de Michigan,1,Universidade de Princeton,1,Urbanismo,23,Urologia,1,User Experience,1,USP,6,Utilidade Pública,3,Utilitário,3,Vale,1,Vaticano,1,Veículo Autônomo,7,Ventriloquismo,3,Verão,1,vestibular,3,Vestimenta,1,Vida Digital,7,Vida Moderna,18,Vida Selvagem,10,Videogame,114,Vídeos,929,Vídeos 360,1,Violência,5,Vírus,2,Visão Computacional,9,Vôlei,1,Vulcanologia,6,Watergate Política,1,WCIT 2016,2,WCIT 2017,1,Web 2.0,29,Web Application,136,Web Semântica,2,Web Seminar,1,webdesign,11,Webinar,2,widget,2,WikiLeaks,37,Wikipedia,4,Windows,5,Xadrez,2,YouTube,6,Zika,1,Zoologia,56,
ltr
item
Brasil Acadêmico: Mohamed Ali: A conexão entre o desemprego e o terrorismo
Mohamed Ali: A conexão entre o desemprego e o terrorismo
http://4.bp.blogspot.com/-GvvkNxPTOMA/UplAqouekcI/AAAAAAAAXUI/hi0sQd8f9r8/s400/terror.jpg
http://4.bp.blogspot.com/-GvvkNxPTOMA/UplAqouekcI/AAAAAAAAXUI/hi0sQd8f9r8/s72-c/terror.jpg
Brasil Acadêmico
https://blog.brasilacademico.com/2013/11/mohamed-ali-conexao-entre-o-desemprego.html
https://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/2013/11/mohamed-ali-conexao-entre-o-desemprego.html
true
3049085869098582068
UTF-8
Todos os posts carregados Nenhumpost encontrado VER TODOS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Home Páginas POSTS Ver Todos Recomendado para você CATEGORIA ARQUIVO BUSCA TODOS POSTS Não encontrado nehum post de acordo com o seu critério Voltar para Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agorinha 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais que 5 semanas atrás Seguidores Seguir THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy