Voltaria sempre a ser Médico

Comentar

Se um dia eu voltar ao mundo em novos renasceres, eu quero voltar a ser médico. Ainda que, de antemão eu já saiba que vou debruçar sobre liv...

Se um dia eu voltar ao mundo em novos renasceres, eu quero voltar a ser médico.
Ainda que, de antemão eu já saiba que vou debruçar sobre livros e mais livros, aplicar e aguçar cada neurônio para no final saber apenas um pouco do muito que precisaria.

Mesmo sabendo que só fortuitamente por méritos ou, às vezes, inatingíveis caminhos, trabalharei em um grande serviço, em requintado hospital; o certo é que, no mais das vezes, vou estar em rincões afastados e sem recursos, em periferias esquecidas, desprovidas e perigosas.
Quase sempre só.

Tendo plena noção dos grandes apertos, das tensões, dos meus conflitos internos, das decisões solitárias tomadas às vezes sonolento, exausto, com medo, exigido acima do que se tem para dar; ora, na madrugada chuvosa, ora nas tardes quentes e sem fim, diante de filas intermináveis, diante de um doente que não melhora, frente a um mal que não consigo decifrar e que vai roubando, ali na minha frente, uma vida que se esvaindo me consome também, me humilha me reduz à minha pequenez.


Quero voltar a ser médico. Médico de corpo, de almas, de pessoas.
Tecnológico até onde meu cérebro e as condições que a vida me permitirem; humano mesmo quando a raiva estiver em mim, quando a depressão me reduzir, a solidão me assustar, o contexto de uma situação exigir muito mais do que tenho para oferecer. Humano, mais com o sofrimento do outro, que é o que importa, que com o meu. O meu eu posso suportar, rastrear, diagnosticar e descobrir o porquê de sua existência e então resolvê-lo ou suportá-lo. O do outro é minha missão auscultá-lo, minorá-lo, torná-lo suportável, solucioná-lo e, se possível, curá-lo, extirpá-lo.

Mesmo sabendo que me esperam longos, incontáveis e intermináveis plantões. Plantões dos quais eu saia direto para outro plantão ou para o consultório, contando nos dedos a sempre estreita relação entre o ganho e as despesas que me esperam lá fora, sonhando com uma tarde de folga junto à família que passa pela vida, esposa e filhos, sem minha presença; acostumados já ao não convívio; ora com mágoa, ora com amor, ou com indiferença pela constância da situação.


Plantões, às vezes terríveis! Onde se passa do sono profundo e inquieto da exaustão, a um despertar repentino sacudido pela mão do colega, da enfermagem ou pelo toque enervante do telefone à beira do leito que está ali como se fosse uma bomba relógio à espreita, prestes a tilintar e mudar completamente a nossa noite. Plantões que nos levam à fraqueza de orar para que chova e contenha as pessoas em seus lares e, assim, amenize nossas noites. Plantões de rezas inúteis pois as tempestades lançam raios, adiantam os trabalhos de parto, causam inundações, provocam medo e tudo leva as pessoas ao pronto socorro. As mesmas tempestades interrompem o fornecimento de energia às casas e ao hospital e, então, temos além de pacientes assustados, da gestante aos gritos, dos traumatizados; as dificuldades de trabalhar à luz de velas e sem os recursos de aparelhos elétricos.


O que realmente vale nos plantões é orar para que nossas capacidades aflorem no momento preciso, nossas decisões se dêem, o ânimo nos tome, haja um bom relacionamento na equipe e entre a equipe, o paciente e os familiares e que, finalmente todas as ações, energia, emoção se conjuguem na busca do êxito em tempo hábil.

Vale ainda pensar que o insucesso faz parte das probabilidades e que, caso ocorra, tem que ficar claro, principalmente para a equipe que: naquele lugar, naquela hora, e com os recursos humanos e materiais ali existentes não se poderia fazer mais.

Ainda assim o plantão fica péssimo e será sempre lembrado e re-analisado, incontáveis vezes na cabeça do médico, na busca de alguma falha ou de coisa diferente que pudesse ter sido feita.


Quero ainda ser médico mesmo sabendo que pequenas falhas contam mais que grandes êxitos. Podemos sair exultantes de uma cirurgia de urgência na madrugada e sermos derrotados, a seguir, por um caroço de laranja que não consigamos retirar da narina de uma criança que chora a plenos pulmões e é levada pela mãe que se retira revoltada e gritando nossa incompetência ao mundo além de nos acusar de grosseiros por tentarmos imobilizar seu pequeno filho ao embrulhá-lo com um lençol para que pudéssemos ter acesso ao bendito caroço de laranja colocado na narina pela própria criança. Fica péssima a noite para a mãe que só na manhã seguinte vai conseguir se livrar do desconforto do filho, fica arruinado o plantão com aquela sensação de inutilidade que se abate sobre nós.

Morrer de estudar mormente quando o vestibular já assoma no horizonte há mais ou menos três anos de nós, estudar todas as noites e correr atrás da prática nos hospitais e pronto socorros quando, dentro da faculdade, descobrimos que o saber é esparso, não está contido na salas de aulas somente, nem nos livros; não vem até nós. É preciso ler, e os livros não estão em nossas mãos, temos que encontrá-los. Agarrá-los e devorá-los atentos e com tempo marcado. As aulas têm que ser hauridas com olhos arregalados, mentes atentas, concentração intensa apesar de muitas vezes estarmos exauridos em nossa capacidade de atenção.


A prática ocorre de todas as formas mas é fortuita, ocasional, inconstante, incompleta e assim, exige uma presença constante do aprendiz nos locais onde se aprende. Uma noite inteira em um pronto socorro pode trazer pouco ensinamento ou ser repleta de casos que um bom profissional pode ir resolvendo e nos ensinando ou resolvendo sem ensinar, ou não ser um bom profissional e conduzir as soluções de forma inadequada, e assim passar um conceito errado ao que aprende e que poderá levar isso para a vida.


Renascido, revigorado, melhorado; consciente de que minhas forças, meu vigor físico e intelectual, toda minha capacidade de estudar e aprender serão direcionados ao objetivo de me tornar médico integral de doentes, de feridos, dos mentalmente perturbados, dos emocionalmente fragilizados, de homens e de almas.
Combatendo minhas vaidades, o orgulho inútil, minhas arrogâncias, minhas fraquezas, meu medo e outras mazelas que não deixaram que fosse melhor que sou...

Voltando a este mundo num renascimento que dizem haver... Cabendo a mim escolher... Voltaria a ser médico e, havendo horas vagas, também poeta e escritor.

Rilmar 20.10.2011
[Via BBA]

COMMENTS

BLOGGER

$show=mobile

Nome

#existepesquisanobrasil,1,A divulgar,2,Abelha,3,Acessibilidade,20,acessório,2,Acidente,48,Acidentes,2,Acústica,16,Adágios,1,Adestramento,5,Administração,26,adulto,1,Aerodinâmica,4,Aeronáutica,8,África,6,Agência Brasil,18,Agência Fiocruz,1,Agência Porvir,1,Agência Senado,1,Agência USP,4,Agricultura,4,Agropecuária,2,AIDS,1,AirBNB,1,Alcoolismo,7,Alemanha,3,Alerta,1,Algoritmo,8,Alimento,1,Alzheimer,4,Amazon,1,Amazônia,4,América Latina,1,Análise Combinatória,1,Anatomia,6,Android,3,Animação,46,Animais de Estimação,6,Animal,2,Antropologia,14,Apicultura,8,App,9,Apple,5,Apresentação,4,aquário,1,Argentina,4,Arqueologia,5,arquitetura,29,Arte,149,Astrobiologia,2,Astrofísica,3,Astronomia,24,Ativismo,26,Áudio,3,Audio FX,2,Áustria,1,Autismo,2,Auto-ajuda,10,Automobilismo,14,Automóvel,19,aventura,3,Aviação,5,Aviônica,8,Bahia,2,Balonismo,3,Banco de Dados,5,Beber e Dirigir,1,biblioteconomia,3,Bicicleta,1,Biografia,16,Biologia,157,Biologia Marinha,15,bioquímica,6,Biotecnologia,25,Bitcoin,2,Blog,29,Blogger,32,Boato,5,Bomba,1,borderô de desconto,1,Botânica,5,BRASA,1,BRASA Leads,1,Brasil,34,Brasília,14,BRIC,1,Browser,10,Bugs,3,CAD,3,Calor,2,Câmera lenta,1,Campanha,44,cardiologia,14,Carnaval,2,carreira,2,Cartografia,3,Casemods,1,Caso Isabella Nardoni,1,Caso Snowden,1,Ceará,1,Celebridades,6,celular,24,Células-Tronco,3,Cérebro,2,Charge,22,China,16,Cibercultura,2,Ciclovia,1,Cidadania,39,Ciência,183,Cinema,63,Clip,1,Cliparts,1,Cloud computing,4,Coaching,12,Comédia,2,competência,1,Complemento de dois,1,Comportamento,249,Computação,81,Computação em grade,5,Computação forense,3,Computação Gráfica,135,Computação Móvel,1,Comunicação e Marketing,131,Concurso,1,Concurso Cultural de Natal,1,Concursos Público,2,Concursos Públicos,3,Conectômica,1,Conferência,1,Congresso em Foco,1,Conspiração,2,Consumidor,7,Consumismo,3,contabilidade,2,Contos,45,Copa do Mundo,27,Cordel,3,Coreia do Norte,1,Coreia do Sul,1,Corpo,2,Coruja,1,cosmética,3,Cosmologia,21,Crash Course,1,Criança,1,Criatividade,3,Crime,46,Crime Digital,7,crise,11,crise econômica,8,crônica,5,crônicas,5,Cronologia,1,CSS,3,Cuba,4,Culinária,8,Cultura,9,Curiosidades,112,custos fixo,1,custos variáveis,1,Dança,6,DAO,1,Darwin,9,Davos,1,Debate,1,Decoração,1,demência,1,Demografia,3,Denúncia,10,Dermatologia,7,Desastre Natural,13,Descoberta,2,desconto duplicatas,1,Desenho instrucional,11,Desenvolvimento de jogos,8,Design,25,Design Instrucional,6,Destaque,25,Dia das Mães,1,Dia do professor,1,diabetes,6,Dicas,66,Didática,1,Dieta,3,diplomacia,3,Direito,173,Direito Eleitoral,1,Direito Internacional,28,Direito Trabalhista,1,Direito Tributário,2,Direitos Autorais,1,Direitos Humanos,37,Disney,5,Distrito Federal,2,Documentário,60,Doutorado,1,download,3,Drogas,7,Drone,3,Dubai,1,e-Book,2,e-governo,2,EBC,1,Ecologia,81,Economia,106,Editoração Eletrônica,1,Educação,331,Educação a Distância,143,Educação Corporativa,4,educação física,19,Educação sexual,6,Efeitos Sonoros,4,Egiptologia,1,Eleições,23,Eleições 2014,12,Eleições 2018,5,Eletricidade,9,eletrônica,3,Em Operários,1,Embrapa,1,empreendedorismo,6,enciclopédia,1,endocrinologia,5,Enem,3,Energia,14,Energia Alternativa,16,Energia Nuclear,11,Engenharia,62,Engenharia Agrícola,1,Engenharia Civil,4,Engenharia de materiais,13,Engenharia de Software,4,Engenharia Genética,30,Engenharia Mecânica,1,Enretenimento,1,Ensino a Distância,9,Ensino Superior,3,Entomologia,7,Entretenimento,41,Entrevista,83,Entrevista.,1,Epidemiologia,21,Epistemologia,1,Equador,1,Escândalo,5,Escritório,1,Espaço,65,Espanha,1,Espanhol,2,Espeleologia,1,Espetáculo,8,Espionagem,20,Esporte,39,Estação,1,Estágio,2,Estatísticas,32,estrutura de dados,1,Ética,23,EUA,14,Europa,2,Evento,37,Evolução,4,Exercícios físicos,2,Exobiologia,2,experiência,42,fábulas,3,Facebook,17,Farmacologia,8,Favo,1,Feminismo,1,Férias,1,Ferramentas,6,FIFA,2,Filantropia,4,Filmes,16,Filosofia,47,Finlândia,1,Firefox,1,Física,103,Física Quântica,3,Fisiologia,7,Fisioterapia,6,Flagrante,2,Flamengo,1,Folclore,3,Fome,1,Fonética,1,Fonoaudiologia,6,Fotografia,40,Fotos em 360 graus,6,França,6,Francês,2,frases,2,Fraude,4,Freeware,67,Futebol,38,Futurologia,78,gadget,88,Gafe,2,Gamificação,5,Gastroenterologia,5,Gastronomia,2,Geek,1,Genética,38,Geofísica,1,Geografia,52,Geologia,10,Geometria,6,geopolítica,20,Gerenciamento do Tempo,1,Geriatria,10,Gestão de Competências,2,Gestão de Configuração,2,Gestão de Pessoas,3,Gestão de Projetos,17,Gestão do conhecimento,6,Ginecologia,3,Glass,1,Google,78,Governo,4,GPS,1,Gradiente,1,gramática,13,Gravidez,1,Grécia,1,Grécia Antiga,1,Guerra,35,Guerra Civil,2,Guinness,1,H2,2,Haiti,3,hardware,35,História,187,HIV,1,Hololens,2,homenagem,45,Horologia,1,HPV,1,HTML,6,Humor,208,Humor Negro,8,IBGE,2,IBM,4,ICIJ,2,Idioma,43,IHC,8,ilo,29,ilusão,34,ilusionismo,5,Imagem 3D,16,Imagens,6,Imagine Cup,1,Império Romano,5,Imprensa,33,Impressora 3D,16,Imunologia,2,Incêndio,2,Inclusão digital,8,Índia,3,Índios,1,Infectologia,16,Infográfico,47,Informática,38,Inglaterra,3,Inglês,22,Inovação,178,Inspiração,1,Inteligência Artificial,98,intercâmbio,1,Interface,188,Interfaces Hápticas,20,Internacional,22,Internacionalização da Amazônia,3,Internet,160,Internet das Coisas,2,Inundação,2,Invenção,20,Inventos,6,iPad,1,IPEA,1,iphone,3,Irã,3,Iraque,1,Israel,6,Japão,2,Java,2,Java.,2,jogos,9,Jogos educativos,13,Jogos Olímpicos,10,Jornalismo,69,Justiça,4,Kinect,10,Le Monde Diplomatique Brasil,9,Le Monde Diplomatique Brasil,1,Letras,1,Lexicografia,5,Liderança,3,Life Hacking,20,Linguística,9,Literatura,54,Livro,57,Lógica,25,Logística,4,Loterias,4,Lua,1,Maçonaria,4,Malásia,2,Malvinas,2,Malware,1,Mapa,68,Mário Sérgio Conti,1,Marte,2,Mastologia,1,Matemática,76,Matemática Financeira,1,maternidade,1,Mecânica,8,Mecânica dos Fluidos,2,Mecatrônica,46,Medicina,470,Medicina Esportiva,1,Medicina Veterinária,4,Meio Ambiente,104,Mel,1,melanoma,1,Memória,5,memorização,4,Mente,4,Mercado de Trabalho,68,mercosul,1,Mestrado,1,meteorologia,11,Metodologia Científica,44,México,1,Microbiologia,4,Microsoft,14,Mídia Social,54,Militar,14,Mineralogia,1,Mistério,2,MIT,12,Mitologia,2,Mobilidade,1,Mobilidade Urbana,9,MonaVie,1,Montanhismo,1,Moodle,7,Mossad,1,Motivação,1,Movimento Maker,1,MSF,1,Mudança Climática,20,Mulher,4,Multimídia,14,museu,10,Música,82,MVC,1,Nanotecnologia,33,Nasa,15,Natação,2,Natal,17,Natureza,1,Negócios,25,Netflix,1,Neurociência,82,Neurologia,77,Nicolelis,1,Nordeste,2,Noruega,1,notícias,8,Novidades,18,Novo Enem,2,Números,1,Nutrição,63,Obama,1,Obesidade,10,Observatório da Imprensa,26,Obstetrícia,3,Oceanografia,7,odontologia,7,Offshore Leaks,2,oftalmologia,11,Olimpíadas,7,oncologia,45,ONU,8,Opinião,92,Óptica,17,Oracle,1,Oriente Médio,5,Orkut,2,Ornitologia,1,ortografia,3,Ortopedia,3,Ótica,8,Otorrinolaringologia,1,Oxfam,2,Pacifismo,1,Paginadores,1,paleontologia,3,Paquistão,1,Pará,2,Paraguai,2,parkinson,2,Passeio virtual,1,Patinação,1,Pedagogia,1,Pediatria,6,Pensamentos,2,performance,2,Periférico,1,Pesca,2,Pesquisa,198,Petição,1,Petrobrás,9,Petróleo,12,Photoshop,5,Pirataria,7,planilha de custo,1,Playstation 3,2,Plebiscito,3,Pneumologia,1,Podcast,4,Poesia,28,Poítica,1,Politica,5,Política,287,Portugal,6,português,18,Pós-graduação,1,prazo médio,1,Pré-sal,5,Prêmio Nobel,6,primatologia,1,Primeira Guerra Mundial,1,privacidade,17,produtividade,3,professor Hamilton Alves,2,Programa Gratuito,4,Programação,51,Projeção Mapeada,1,Projeto Truco,2,Promoção,1,Propaganda,5,Psicanálise,1,Psicologia,265,Psicologia Animal,23,Psiquiatria,13,Pública,12,publicidade,18,Publieditorial,4,Quadrinhos,10,Quads,5,Qualidade,3,Qualidade de Vida,11,química,32,REA,2,realidade aumentada,44,realidade diminuída,2,Realidade Misturada,2,Realidade Virtual,37,Reconhecimento de imagem,12,Reconhecimento de voz,3,Recorde,1,Recoverit,1,Recuperar vídeos,1,Redação,1,redes,10,Referência,2,Referendo,1,Reforma Política,3,Reino Unido,1,Relacionamento,2,Relações Internacionais,40,Religião,39,Responsabilidade Social,4,Retrospectiva,1,Review,4,Rio 2016,6,Rio de Janeiro,1,Rio Grande do Norte,1,Rio Grande do Sul,1,robótica,97,Roda Viva,45,Roma,4,roteiro,1,RSA,1,Rússia,1,Samsung,1,Sanitarismo,5,Santa Catarina,1,São Paulo,4,Saúde,484,Savant,1,Segunda Guerra Mundial,21,Segurança,116,Segurança da Informação,60,Seleção Natural,2,Séries,2,serviço,1,Serviço Online,1,Sexologia,2,sexualidade,5,Show,7,SIGGRAPH,1,Simulação,28,Singularity University,1,Síria,3,Sismologia,2,Sistema operacional,4,Sistemas de Numeração,1,Sites de Busca,14,Sociedade,4,Sociologia,52,Software,32,Software Livre,25,Sol,2,Sono,4,Sony,2,SOPA,2,Star Wars,1,Suécia,3,Sugestão de presentes,61,Sun,1,supercomputadores,2,Sustentabilidade,5,Tabagismo,6,Taiwan,1,Talento precoce,1,taxa de juros efetiva,1,taxa de juros nominal,1,Taxas Equivalentes,1,Taxidermia,1,Teatro,26,Técnicas de Estudo,2,Tecnologia,538,Tecnologia da Informação,28,TED,389,TED-Ed,40,TedMed,2,TEDx,1,TEDx Rio+20,1,TEDxAmazônia,1,TEDxAsaSul,1,Telefonia,59,Televisão,43,Temas,1,Tempo,1,Tendências,10,Teologia,5,teoria das supercordas,1,Terremoto,7,Terrorismo,15,Tesla,1,Testes,17,Tipologia,8,Tomada de Decisão,1,tradução,5,Trânsito,11,transporte,55,tributo,3,Trigonometria,1,Tubarão,2,Tunísia,1,Turismo,21,Tutorial,20,Twitter,8,Uber,4,UFC,1,UFG,1,ufologia,5,UFRJ,1,Unicamp,1,UNIFESP,1,universidade,5,Universidade Corporativa,1,Universidade de Cambridge,2,Universidade de Michigan,1,Urbanismo,23,Urologia,1,User Experience,1,USP,6,Utilidade Pública,3,Utilitário,3,Vale,1,Vaticano,1,Veículo Autônomo,7,Ventriloquismo,3,Verão,1,vestibular,3,Vestimenta,1,Vida Digital,7,Vida Moderna,17,Vida Selvagem,10,Videogame,114,Vídeos,928,Vídeos 360,1,Violência,4,Vírus,2,Visão Computacional,9,Vôlei,1,Vulcanologia,6,Watergate Política,1,WCIT 2016,2,WCIT 2017,1,Web 2.0,29,Web Application,134,Web Semântica,2,Web Seminar,1,webdesign,11,Webinar,2,widget,2,WikiLeaks,37,Wikipedia,4,Windows,5,Xadrez,1,YouTube,6,Zika,1,Zoologia,56,
ltr
item
Brasil Acadêmico: Voltaria sempre a ser Médico
Voltaria sempre a ser Médico
http://1.bp.blogspot.com/-kghdyL3K9nQ/TqLSGH5wyHI/AAAAAAAAHQg/yEsJZFrhoas/s400/medico6.jpg
http://1.bp.blogspot.com/-kghdyL3K9nQ/TqLSGH5wyHI/AAAAAAAAHQg/yEsJZFrhoas/s72-c/medico6.jpg
Brasil Acadêmico
https://blog.brasilacademico.com/2011/10/voltaria-sempre-ser-medico.html
https://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/2011/10/voltaria-sempre-ser-medico.html
true
3049085869098582068
UTF-8
Todos os posts carregados Nenhumpost encontrado VER TODOS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Home Páginas POSTS Ver Todos Recomendado para você CATEGORIA ARQUIVO BUSCA TODOS POSTS Não encontrado nehum post de acordo com o seu critério Voltar para Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agorinha 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais que 5 semanas atrás Seguidores Seguir THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy