$show=mobile

Tampa de bueiro é o objeto mais rápido já lançado pelo homem

Comentar

A curiosa história da tampa de bueiro que se tornou o primeiro objeto lançado ao espaço. R obert Rex Brownlee ( 1924-2018 ) era um cientista...

A curiosa história da tampa de bueiro que se tornou o primeiro objeto lançado ao espaço.


Robert Rex Brownlee (1924-2018) era um cientista especializado em artefatos nucleares aposentado e pode ter sido o responsável por um feito digno de figurar no Guinness Book - O Livro dos Recordes -, o lançamento do objeto mais rápido feito pelo homem.

E mais, apesar de não ter sido o primeiro artefato produzido pelo homem a alcançar o espaço, os foguetes V2, de Wernher von Braun chegaram a ultrapassar a linha Kármán – a altitude de 100 km acima do nível do mar usada para definir o limite entre a atmosfera terrestre e o espaço exterior –, pode ter sido o primeiro objeto artificial a entrar em órbita ou mesmo a escapar da órbita terrestre, antes mesmo do satélite Sputnik (sim, além da treta com o Santos Dummont eles vão acabar reinvindicando isso também).


Foi o que pode ter ocorrido com um tampa semelhante às que tapam as entradas de galerias pluviais e de esgoto nas ruas de nossas cidades. E quem já viu reportagens sobre explosões causadas por gases acumulados nessas galerias sabe o quão alto essas tampas podem ser arremessadas nessas circunstâncias.

Ok, mas, o que poderia ejetar uma roda de ferro até o espaço? Resposta: Uma explosão termonuclear no fundo de um poço com esta tampa. Um canhão perfeito para uma espoleta improvável. Mas, para compreender como isso foi possível é necessário entender o cenário.

Ocorre que de 1945 a 1992, durante a corrida armamentista da Guerra Fria, os EUA testaram 1.054 bombas nucleares. Porém, na década de 1950, o governo e a opinião pública estadunidense começaram a preocupar com a radiação emanada desses testes para a atmosfera. Assim, em 1962, os EUA iniciaram seus testes nucleares subterrâneos.

A primeira detonação de teste subterrânea foi apelidada de “Uncle”. O artefato explodiu em uma zona “secreta”  – Yucca Flat (37.07ºN 116.04ºW), no estado de Nevada, um local que chega a lembrar a superfície lunar tamanha a concentração de crateras criadas nas explosões –. Porém, os testes nos quais estamos interessados ​​foram apelidados de “Pascal”, durante a Operação Plumbbob.

A Operação Plumbbob foi uma série de testes nucleares realizados pelos EUA em 1957. Dr. Robert Brownlee foi o encarregado de determinar métodos para conter explosões nucleares no subsolo. Trabalhando inicialmente a partir de uma detonação realizada no fundo de um poço aberto e, progressivamente, adicionando “tampões” de concreto para “estancar” a explosão.

Brownlee projetou o teste “Pascal-A” – o primeiro projetado para conter a precipitação radioativa. Nele, uma bomba foi colocada na parte inferior de uma coluna oca com um metro de largura e 150 metros de profundidade - com uma tampa de ferro de dez centímetros de espessura no topo.

O teste foi realizado na noite de 26 de julho de 1957, de modo que a explosão que saiu da coluna parecia uma vela romana. Brownlee disse que a tampa de ferro em Pascal-A explodiu do topo do tubo “como um morcego”, ou como descrito na versão mais completa do .

Brownlee queria medir a velocidade com que a tampa de ferro voou para fora da coluna, então ele projetou um segundo experimento: Pascal-B.

Brownlee replicou o primeiro experimento, mas a coluna em Pascal-B era mais profunda, a 500 pés de profundidade (152,4 metros). Eles também gravaram o experimento com uma câmera que disparou 1 quadro por milissegundo. Em 27 de agosto de 1957, a “tampa do bueiro” voou para fora da coluna com a força da explosão nuclear. A tampa de ferro era apenas parcialmente visível em um frame, disse Brownlee.
Com base em seus cálculos e nas evidências das câmeras, Brownlee estimou que a placa de aço estava viajando a uma velocidade seis vezes maior que a necessária para escapar da gravidade da Terra quando se elevou no céu azul impecável de Nevada . 'Nós nunca o encontramos. Ele se foi,' Brownlee diz, com um toque de admiração em sua voz quase 35 anos depois.
Trecho de artigo sobre a propulsão de foguetes nucleares da Revista Air & Space, edição de fev/mar de 1992, publicada pelo Smithsonian.
Quando ele usou essa informação para descobrir a que velocidade a tampa estava indo, Brownlee calculou que estava viajando a cinco vezes a velocidade de escape da Terra - ou cerca de 125.000 mph (aprox. 200.000 km/h).

Em teoria, essa tampa já deveria estar ultrapassando a distância até a órbita de Plutão.

Isso supera a velocidade de 36.373 mph (58536,6 km/h) que a espaçonave New Horizons - que as pessoas dizem ser o objeto mais rápido lançado pela humanidade - finalmente alcançou enquanto viajava em direção a Plutão.

Na época, disse Brownlee, ele esperava que a tampa voltasse para a Terra, mas eles nunca a encontraram. Desde então, Brownlee concluiu que estava indo rápido demais para queimar antes de chegar ao espaço sideral. 
“Depois que eu estava no negócio e fazia meus próprios lançamentos de mísseis. Percebi que aquele pedaço de ferro não tinha tempo de queimar até o topo [na atmosfera].”
Estava indo tão rápido que Brownlee disse que acha que a tampa provavelmente não foi capturado na órbita da Terra como um satélite como o Sputnik e, em vez disso, disparou para o espaço sideral. 

Em 4 de outubro de 1957, a União Soviética lançou o Sputnik, o primeiro satélite artificial do mundo. Se a tampa sobreviveu à queima na passagem pela atmosfera é possível que, enquanto a URSS foi a primeira a lançar um satélite, Brownlee foi provavelmente a primeira pessoa a lançar um objeto no espaço. 

“A pressão no topo do tubo era enorme”, disse Brownlee. “A primeira coisa que você obtém é um flash de luz vindo do dispositivo na parte inferior do tubo vazio, e esse flash é tremendamente quente. Aquele flash que vem é mais de 1 milhão de vezes mais brilhante que o sol. Então, para [a tampa] explodir era, se assim posso dizer, inevitável.”

Mas Brownlee, que tem conhecimento do teste em primeira mão, diz que sabe a verdade. "Do meu ponto de vista", disse ele, "com certeza aconteceu."

Portanto, da próxima vez que você olhar para as estrelas, lembre-se da história de Brownlee. Em algum lugar lá fora, uma tampa de bueiro lançada por uma bomba nuclear está provavelmente se afastando da Terra a cerca de 200.000 km/h.



COMMENTS

BLOGGER

$show=mobile

Nome

#existepesquisanobrasil,1,Abelha,3,Acessibilidade,24,Acessórios,2,Acidente,51,Acústica,16,Adestramento,5,Administração,41,Aerodinâmica,4,Aeronáutica,9,África,6,Agência Bori,1,Agência Brasil,24,Agência FAPESP,4,Agência Fiocruz,5,Agência Porvir,1,Agência Senado,2,Agência USP,4,Agricultura,6,Agropecuária,4,AirBNB,1,Alcoolismo,7,Alemanha,7,Alemão,4,Alerta,2,Algoritmo,8,Alimento,1,Alzheimer,4,Amazon,3,Amazônia,4,América Latina,1,Análise Combinatória,1,Análise de Texto,2,Anatomia,7,Android,3,Animação,51,Animais de Estimação,6,Animal,2,Antropologia,14,Apicultura,8,App,9,Apple,5,Apresentação,4,aquário,1,Argentina,4,Armamento,1,Arqueologia,6,arquitetura,33,Arte,167,Astrobiologia,3,Astrofísica,3,Astronomia,29,Ativismo,32,Áudio,3,Audio FX,2,Áustria,1,Autismo,2,Auto-ajuda,10,Automobilismo,15,Automóvel,22,aventura,3,Aviação,5,Aviônica,8,Bahia,2,Balonismo,3,Banco Central,1,Banco de Dados,5,Beber e Dirigir,1,biblioteconomia,6,Bicicleta,1,Biografia,16,Biologia,169,Biologia Marinha,15,bioquímica,6,Biotecnologia,25,Bitcoin,2,Blog,29,Blogger,33,Boato,6,Bomba,1,Botânica,5,BRASA,1,BRASA Leads,1,Brasil,40,Brasília,16,BRIC,1,Browser,10,Bugs,3,CAD,3,Calor,2,Caltech,1,Câmera lenta,1,Campanha,47,Canadá,1,cardiologia,16,Carnaval,2,carreira,2,Cartografia,3,Casemods,1,Caso Isabella Nardoni,1,Caso Snowden,1,Ceará,1,Celebridades,6,celular,24,Células-Tronco,5,Cérebro,2,Charge,22,China,21,Cibercultura,2,Ciclovia,1,Cidadania,39,Ciência,212,Cinema,67,Climatologia,1,Clip,1,Cliparts,1,Cloud computing,4,Coaching,12,Comédia,2,competência,2,Complemento de dois,1,Comportamento,263,Computação,83,Computação em grade,5,Computação forense,3,Computação Gráfica,139,Computação Móvel,1,Computação Quântica,1,Comunicação e Marketing,140,Concurso,2,Concurso Cultural de Natal,1,Concursos Público,2,Concursos Públicos,4,Conectômica,1,Conferência,1,Congresso em Foco,1,Conspiração,2,Consumidor,7,Consumismo,3,contabilidade,2,Contos,54,Copa do Mundo,27,Cordel,3,Coreia do Norte,1,Coreia do Sul,1,Corpo,2,Coruja,1,cosmética,3,Cosmologia,21,Covid-19,95,Crash Course,1,Criança,1,Criatividade,4,Crime,48,Crime Digital,7,crise,11,crise econômica,8,crônica,7,crônicas,5,Cronologia,1,CSS,3,Cuba,4,Culinária,8,Cultura,15,Curiosidades,113,custos fixo,1,custos variáveis,1,Dale Dougherty,2,Dança,6,DAO,1,Darwin,11,Davos,1,Debate,2,Decoração,1,demência,1,Demografia,3,Denúncia,12,Dermatologia,7,Desastre Natural,14,Descoberta,2,Desenho instrucional,14,Desenvolvimento de jogos,11,Design,31,Design Instrucional,14,Destaque,5,Dia das Mães,1,Dia do professor,1,diabetes,6,Dicas,66,Didática,1,Dieta,3,diplomacia,3,Direito,181,Direito Eleitoral,1,Direito Internacional,29,Direito Militar,1,Direito Trabalhista,1,Direito Tributário,2,Direitos Autorais,3,Direitos Humanos,37,Disney,7,Distrito Federal,4,Documentário,64,Doutorado,1,download,3,Drogas,7,Drone,3,Dubai,1,e-Book,2,e-governo,2,EBC,1,Ecologia,84,Economia,115,Editoração Eletrônica,1,Educação,391,Educação a Distância,179,Educação Corporativa,6,educação física,19,Educação sexual,6,Efeitos Sonoros,4,Egiptologia,2,Eleições,26,Eleições 2014,12,Eleições 2018,5,Eleições 2020,2,Eletricidade,10,eletrônica,4,Em Operários,1,Embrapa,4,empreendedorismo,6,enciclopédia,1,endocrinologia,6,Enem,3,Energia,15,Energia Alternativa,17,Energia Nuclear,11,Enfermagem,1,Engenharia,67,Engenharia Agrícola,1,Engenharia Civil,6,Engenharia de materiais,17,Engenharia de Software,5,Engenharia Genética,32,Engenharia Mecânica,2,Enretenimento,1,Ensino a Distância,11,Ensino Superior,5,Entomologia,7,Entretenimento,45,Entrevista,90,Entrevista.,1,Epidemiologia,69,Epistemologia,1,Equador,1,Escândalo,6,Escritório,1,Espaço,68,Espanha,1,Espanhol,2,Espeleologia,1,Espetáculo,8,Espionagem,20,Esporte,42,Estação,1,Estágio,2,Estatísticas,38,estrutura de dados,1,Ética,28,EUA,17,Europa,2,Evento,48,Evolução,5,Exercícios físicos,2,Exobiologia,3,experiência,43,fábulas,3,Facebook,20,Família,1,Farmacologia,22,Favo,1,Feminismo,1,Férias,1,Ferramentas,10,FIFA,2,Filantropia,4,Filmes,16,Filosofia,47,Finep,2,Finlândia,1,Fintech,1,Firefox,1,Física,115,Física Quântica,4,Fisiologia,10,Fisioterapia,6,Flagrante,2,Flamengo,1,Folclore,3,Fome,1,Fomento,1,Fonética,1,Fonoaudiologia,7,Fotografia,45,Fotos em 360 graus,6,França,8,Francês,4,Frase,3,Fraude,5,Freeware,74,Futebol,39,Futurologia,91,gadget,87,gadgets,1,Gafe,2,Gamificação,7,Gastroenterologia,5,Gastronomia,2,Geek,1,Genética,44,Geofísica,1,Geografia,54,Geologia,10,Geometria,6,geopolítica,21,Gerenciamento do Tempo,1,Geriatria,10,Gestão de Competências,2,Gestão de Configuração,2,Gestão de Pessoas,8,Gestão de Projetos,21,Gestão do conhecimento,7,Ginecologia,3,Glass,1,Google,80,Governo,4,GPS,1,Gradiente,1,gramática,15,Gravidez,1,Grécia,1,Grécia Antiga,2,Guerra,37,Guerra Civil,2,Guinness,1,H2,2,Haiti,3,hardware,37,História,208,HIV,1,Hololens,2,homenagem,46,Horologia,1,HPV,1,HTML,6,Humor,211,Humor Negro,9,IBGE,2,IBM,4,ICIJ,2,Idioma,55,IESB,2,IHC,8,ilo,29,ilusão,35,ilusionismo,5,Imagem 3D,16,Imagens,7,Imagine Cup,1,Império Romano,7,Imprensa,34,Impressora 3D,21,Imunologia,6,Incêndio,2,Inclusão digital,8,Índia,4,Índios,1,Infectologia,34,Infográfico,56,Informática,38,Inglaterra,4,Inglês,26,Inovação,196,Inspiração,1,Inteligência Artificial,129,intercâmbio,1,Interface,198,Interfaces Hápticas,22,Internacional,23,Internacionalização da Amazônia,3,Internet,163,Internet das Coisas,2,Inundação,2,Invenção,20,Inventos,6,iPad,1,IPEA,1,iphone,3,Irã,3,Iraque,1,Israel,6,Itália,2,Japão,5,Java,2,Java.,2,jogos,10,Jogos educativos,15,Jogos Olímpicos,10,Jornalismo,71,José Saramago,1,Justiça,4,Ken Robinson,1,Kinect,10,Le Monde Diplomatique Brasil,9,Le Monde Diplomatique Brasil,1,Letras,2,Lexicografia,5,Liderança,4,Life Hacking,20,línguas estrangeiras,3,Linguística,11,Literatura,57,Livro,68,Lógica,26,Logística,4,Loterias,4,Lua,1,Maçonaria,4,Malásia,2,Malvinas,2,Malware,1,Mapa,91,Mário Sérgio Conti,1,Marte,3,Mastologia,1,Matemática,80,Matemática Financeira,1,maternidade,1,Mecânica,8,Mecânica dos Fluidos,2,Mecatrônica,47,Medicina,544,Medicina Esportiva,1,Medicina Veterinária,4,Meio Ambiente,119,Mel,1,melanoma,1,Memória,5,memorização,4,Mente,4,Mercado de Trabalho,75,mercosul,1,Mestrado,4,meteorologia,11,Metodologia Científica,53,México,1,Microbiologia,4,Microsoft,16,Mídia Social,57,Militar,15,Mineralogia,1,Mistério,3,MIT,14,Mitologia,2,Mobilidade,1,Mobilidade Urbana,9,Moda,1,MonaVie,1,Montanhismo,1,Moodle,7,Mossad,1,Motivação,1,Movimento Maker,2,MSF,1,Mudança Climática,25,Mulher,4,Multimídia,14,museu,16,Música,88,MVC,1,Nanotecnologia,36,Nasa,17,Natação,2,Natal,17,Natureza,2,Nefrologia,1,Negócios,30,Netflix,1,Neurociência,89,Neurologia,80,Nicolelis,1,Nordeste,2,Noruega,2,notícias,8,Novidades,18,Novo Enem,2,Números,2,Nutrição,68,Obama,1,Obesidade,10,Observatório da Imprensa,27,Obstetrícia,4,Oceanografia,7,odontologia,9,Offshore Leaks,2,oftalmologia,11,Olimpíadas,9,oncologia,49,ONU,10,Opinião,102,Óptica,17,Oracle,1,Oriente Médio,5,Orkut,2,Ornitologia,1,ortografia,3,Ortopedia,4,Ótica,8,Otorrinolaringologia,2,Oxfam,3,Pacifismo,1,Paginadores,1,paleontologia,4,Paquistão,1,Pará,2,Paraguai,2,parkinson,2,Passeio virtual,1,Patinação,1,Paulo Freire,1,Pedagogia,3,Pediatria,6,Pensamentos,3,performance,2,Periférico,1,Pesca,2,Pesquisa,238,Petição,1,Petrobrás,9,Petróleo,12,Photoshop,5,Pirataria,7,planilha de custo,1,Playstation 3,2,Plebiscito,3,Pneumologia,1,Podcast,4,Poesia,29,Política,311,Portugal,7,português,19,Pós-graduação,2,Pré-sal,5,Prêmio Nobel,7,primatologia,1,Primeira Guerra Mundial,1,privacidade,22,produtividade,7,professor Hamilton Alves,2,Programa Gratuito,4,Programação,57,Projeção Mapeada,1,Projeto Truco,2,Promoção,1,Propaganda,5,Psicanálise,1,Psicologia,280,Psicologia Animal,25,Psiquiatria,15,Pública,13,publicidade,19,Publieditorial,5,PUC Minas,1,Quadrinhos,10,Quads,5,Qualidade,3,Qualidade de Vida,11,química,33,REA,2,realidade aumentada,45,realidade diminuída,2,Realidade Misturada,3,Realidade Virtual,45,Reconhecimento de imagem,12,Reconhecimento de voz,3,Recorde,1,Recoverit,1,Recuperar vídeos,1,Redação,1,redes,12,Referência,5,Referendo,1,Reforma Política,3,Reino Unido,2,Relacionamento,2,Relações Internacionais,40,Religião,42,Responsabilidade Social,4,Retrospectiva,1,Review,15,Rio 2016,6,Rio de Janeiro,3,Rio Grande do Norte,1,Rio Grande do Sul,1,robótica,108,Roda Viva,49,Roma,6,roteiro,1,RSA,1,RTP,1,Rússia,2,Samsung,1,Sanitarismo,5,Santa Catarina,1,São Paulo,4,Saúde,592,Savant,1,Segunda Guerra Mundial,23,Segurança,122,Segurança da Informação,63,Seleção Natural,3,Séries,2,serviço,1,Serviço Online,1,Sexologia,2,sexualidade,5,Show,7,SIGGRAPH,1,Simulação,35,Singularity University,1,Síria,3,Sismologia,2,Sistema operacional,4,Sistemas de Numeração,1,Sites de Busca,18,Sociedade,5,Sociologia,54,Software,34,Software Livre,25,Sol,2,Sono,4,Sony,3,SOPA,2,Star Wars,1,Startup,2,Steve Cutts,1,Suécia,3,Sugestão de presentes,65,Sun,1,supercomputadores,2,Sustentabilidade,5,Tabagismo,6,Taiwan,1,Talento precoce,1,Taxas Equivalentes,1,Taxidermia,1,Teatro,26,Técnicas de Estudo,2,Tecnologia,584,Tecnologia da Informação,28,TED,441,TED-Ed,47,TedMed,2,TEDx,4,TEDx Rio+20,1,TEDxAmazônia,1,TEDxAsaSul,1,Telefonia,61,Televisão,43,Temas,1,Tempo,1,Tendências,10,Teologia,5,teoria das supercordas,1,Teoria dos Jogos,1,Terremoto,7,Terrorismo,15,Tesla,1,Testes,17,Tipologia,8,Tomada de Decisão,1,tradução,5,Trânsito,12,transporte,57,Tributo,3,Trigonometria,1,Tubarão,2,Tunísia,1,Turismo,26,Tutorial,23,Twitter,8,Uber,5,UFC,1,UFG,1,UFMG,1,ufologia,5,UFRJ,3,UFSC,1,UNB,1,Unicamp,4,UNIFESP,1,universidade,6,Universidade Corporativa,1,Universidade da Califórnica,1,Universidade da Geórgia,1,Universidade da Pensilvânia,1,Universidade de Brasília,1,Universidade de Cambridge,2,Universidade de Chicago,1,Universidade de Columbia,1,Universidade de Michigan,1,Universidade de Princeton,1,Universidade de Rochester,1,Universidade de Washington,3,University College London,1,Urbanismo,26,Urologia,2,User Experience,1,USP,10,Utilidade Pública,3,Utilitário,3,Vale,1,Vaticano,1,Veículo Autônomo,8,Ventriloquismo,3,Verão,1,vestibular,3,Vestimenta,1,Vida Digital,7,Vida Moderna,18,Vida Selvagem,10,Videogame,118,Vídeos,983,Vídeos 360,1,Violência,5,Vírus,18,Visão Computacional,10,Vôlei,1,Vulcanologia,7,Watergate Política,1,WCIT 2016,2,WCIT 2017,1,Web,1,Web 2.0,29,Web Application,155,Web Semântica,2,Web Seminar,1,webdesign,11,Webinar,2,widget,2,WikiLeaks,37,Wikipedia,4,Windows,5,Xadrez,2,YouTube,6,Zika,1,Zoologia,59,
ltr
item
Brasil Acadêmico: Tampa de bueiro é o objeto mais rápido já lançado pelo homem
Tampa de bueiro é o objeto mais rápido já lançado pelo homem
https://1.bp.blogspot.com/-49sqKeEu1sw/YZVRqU3q-yI/AAAAAAABJSg/ws1H0rcGIVs7QHrT8CDswCIETLBohIBUgCLcBGAsYHQ/s320/pascalB.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-49sqKeEu1sw/YZVRqU3q-yI/AAAAAAABJSg/ws1H0rcGIVs7QHrT8CDswCIETLBohIBUgCLcBGAsYHQ/s72-c/pascalB.jpg
Brasil Acadêmico
http://blog.brasilacademico.com/2021/11/tampa-de-bueiro-e-o-objeto-mais-rapido.html
http://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/
http://blog.brasilacademico.com/2021/11/tampa-de-bueiro-e-o-objeto-mais-rapido.html
true
3049085869098582068
UTF-8
Todos os posts carregados Nenhumpost encontrado VER TODOS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Home Páginas POSTS Ver Todos Recomendado para você CATEGORIA ARQUIVO SEARCH TODOS POSTS Não encontrado nehum post de acordo com o seu critério Voltar para Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April Mai June July August September October November December Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agorinha 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais que 5 semanas atrás Seguidores Seguir THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy Table of Content